hoje eu escutei uma das principais musicas que fizeram parte da trilha sonora que embalou 2014, o ano que tive depressão.

naquele tempo eu passava por um turbilhão de sentimentos: havia acabado meu namoro, estava no pré vestibular, as coisas em casa estavam um inferno e eu tinha desaprendido a viver. exatamente isso: desaprendido a ser eu, a conviver com pessoas, a me amar… eu estava anestesiada pela dor, não sabia sentir nada além da tormenta.

e hoje eu criei peito pra escutar a música. os acordes marcam meu peito com muita melancolia, e escutá-los me leva diretamente àquela atmosfera, mas hoje eu escutei rindo. rindo muito!!!!!! todas as horas que passei escutando essas músicas e me perguntando QUANDO AQUILO IA PASSAR, QUANDO IA PARAR DE DOER, QUANDO EU IA ESCUTAR AQUILO E NÃO PENSAR EM NADA valeram a pena, esse tempo chegou! já faz um tempo, mas como é gostoso perceber isso.

como é incrível sobreviver às trevas e perceber que, apesar da luta diária para não cair nesse abismo nem permitir que esse monstro te devore de novo, a vida continua e você é capaz de se restaurar por inteiro. é possível se perder e se achar onde menos se espera.

espera

aguenta firme

a hora sempre chega!

A single golf clap? Or a long standing ovation?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.