Para quando bater a famosa “bad”
S. Paiva
42124

Oi, guria! (e que coisinha mais linda)

Queria muito ter tido a honra de ler tuas palavras em outras circunstâncias, mas ainda sóbria desse mal senti o fardo que eu carregava nos ombros se esvair só com teu texto. Muito obrigada, de coração, e jamais pare de escrever. ♡

Like what you read? Give cláudia feltrin a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.