4 dicas para melhorar seu inglês em casa

Quem nunca quis aprender um pouco de inglês ou se tornar fluente nesta língua para sair viajando e/ou conseguir um trabalho? A verdade, é que para se tornar um fluente em inglês é necessário sempre exercitar a língua, para que ela se torne parte de seu vocabulário. Construção de fraseologias diárias e ouvir músicas podem sempre ajudar o estudante a crescer nessa língua.

Neste artigo vamos abordar 4 dicas para você se tornar um fluente em inglês na sua casa, através de pequenos hábitos diários. Vamos lá?

Assista séries e filmes legendados

Poucas pessoas têm esse costume, mas, se você quer mesmo se tornar um fluente na língua inglesa, é necessário já ir criando esse hábito. Aconselhamos que opte por assistir séries que tratam da vida cotidiana, como Friends ou How I Met Your Mother. Pois tratam de questões comuns do dia a dia, trazendo mais facilidade em entender os diálogos naturais.

Quando você se sentir autônomo e capaz o suficiente para já entender as falas sem as legendas, aconselhamos que você comece a tirá-las. Apesar de serem instrutivas no início, depois de um tempo você pode se tornar dependente delas, o que é prejudicial.

Pratique seu listening ouvindo músicas em inglês

Podemos aprender muito do vocabulário inglês quando ouvimos, atentamente, as músicas. Mesmo que seu sistema de aprendizado seja apenas ouvindo ou lendo as letras traduzidas, esse sistema é essencial para aqueles que estão começando a estudar inglês.

Por isso, ouça, leia, copie, pratique, repita e tire o máximo de proveito possível das letras que você gostar. Não importa se você não consegue entender tudo no começo. Se empenhe em tentar escutar e pratique seu listening através dos modos de falas e sotaques dos cantores, para, assim, entender as diferentes formas de comunicar.

Anote as palavras que você não conhece

Todo objetivo requer certo esforço e ele sempre é recompensado. Se você quer aprender inglês em casa, você tem que se questionar sempre e ser sincero com suas limitações. Se você não conhece a palavras, anote. Busque saber seu significado e aplique ele em uma fraseologia e em contextos que o faça entender como, quando e por que ela é utilizada.

Em momentos de escutar uma música, tanto para apreciar, como para aprender, você poderá, também, aplicar a palavra no sentido em que a música está sendo atribuída. Uma vez que você entende esse pequeno sentido também, você possibilita novos olhares para aquela palavra e não somente em seu sentido literal.

Jogue jogos em inglês

Para aqueles que já estão acostumados com jogos, seja em console, computador ou smartphone, sabem que jogar é um dos meios mais práticos de se aprender inglês. Apesar de, muitas das vezes, não serem utilizados muitos termos cotidianos, é possível aprender coisas específicas nos videogames.

Por isso, se você é do tipo de pessoa que adora a tecnologia, experimente jogar os jogos apenas em inglês. E, assim como em filmes, opte para fazê-lo legendado e, depois, sem legendas. Isso despertará uma maior aptidão em conhecer termos pouco utilizados, porém que poderão se aplicar em vários momentos da sua leitura e vida.

Além disso, você também pode baixar jogos de puzzles ou outros que incentivam e ajudam as pessoas a aprender a língua. Há, hoje, inúmeros jogos disponíveis para celulares que ensinam, gratuitamente, variadas línguas do jeito mais divertido possível. E o melhor, tudo isso em casa!

Pratique sempre suas falas

Isso mesmo. O mal de muita gente que começa a aprender o inglês de forma autônoma e em casa, é acabar esquecendo deste pequeno detalhe. Aprender inglês não é somente escrever e entender as palavras faladas. Você deve também aprender a falar.

Por isso, mesmo se não tiver um amigo para praticar, pratique com você mesmo! Cante consigo, fale consigo, simule ocasiões, conversas avulsas e outros quaisquer meios criativos de aplicar seu vocabulário no cotidiano. Lembre-se, você apenas aprenderá se não parar de praticar.