Perdidamente pensativo(ou a vez que eu fui comprar um milkshake pra ela)

Descrição acessível: Um peixe palhaço.

A gente tava lá, sentados na mesa do shopping perto de um fast-food aleatório, aproveitando a conversa sobre algum assunto aleatório. Se me lembro bem era sobre peixe ter alma ou não e o motivo de eu odiar comer peixe. Peixe não peida e não tem alma, porque alguém comeria algo assim?

Por algum motivo desconhecido nossas conversas sempre terminavam em “acho que passamos do limite dessa vez”.

—Eu acho, que peixes não tem alma, e sim passamos do limite dessa vez!

Não foi diferente. Enquanto eu terminava minha frase me levantava passando a mão no cabelo dela. E enquanto me dirigia ao atendente pedir um milk shake grande pra gente dividir ela tirou o celular do bolso, me olhou uma ou duas vezes e deu um sorriso de canto.

O que ela tá pensando agora? O que deve tá passando pela cabeça dela? Eu realmente quero entender essa pessoinha… Deve ser algo intrigante, ela tá fazendo caretas.

—Senhor, o que deseja?

Incrível como um milk shake demora tão pouco tempo pra ser feito e é tão bom não é mesmo? Chegando na mesa eu tive que perguntar o que ela tava pensando.

—Como assim? Eu não tava pensando em nada, eu só tava tirando uma selfie!

Like what you read? Give Caique a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.