Eu te amo, só não gosto mais de você.

Hoje eu não senti sua falta, eu lembrei de você. De tudo que você fazia no meu aniversário. E eu sorri. mas também lembrei que se sentir amada uma vez por ano não basta, não pra mim.

Você se lembra, como a gente costumava ser intenso? Você sorria e me perguntava como eu conseguia ser assim. Eu te mostrei tudo que ninguém vê e guardo dentro de mim, ainda assim, não foi suficiente. Mas tudo bem, de verdade.

Eu achava que sentiria sua falta especialmente hoje, que quando eu olhasse o celular e 00h não tivesse aquela mensagem sua me dizendo tudo que eu queria ouvir (porque você sempre sabe o que dizer). Mas, eu não senti.

Em vez disso, dei outro gole na cerveja, preenchi meu vazio com outras coisas, me senti livre pra viver.

Acho que as vezes as coisas erradas acontecem de maneira certa, leva um tempo pra enxergar.

Não se engane achando que não me importo mais, quero te ver feliz.

Eu te amo, só não gosto mais de você.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.