Quando eu era criança a gente vivia sobre o medo do comunismo e uma grande história contada era de que o comunismo ia acabar com a individualidade, com a possibilidade de a gente se comunicar como quisesse. Mais especificamente, que sob o comunismo todo mundo ia se vestir igual, com o uniforme do partido.

Corta pra 2019. Aqui no coworking aparecem direto grupos de executivos pra visitar as instalações e ver essa economia startup bonita, né?

Todos usam paletó preto. As camisas são brancas, azuis, cinzas ou, se você quer realmente expressar sua originalidade, bota uma preta. Colarinho aberto, sem gravata, apesar da gola da camisa social ter sido desenhada pra ter uma gravata.

Todos expressando sua liberdade pessoal de se vestir igualzinho.