Pontos finais

Não, eu não te devo explicações, satisfações ou pedidos de desculpa. Eu não te devo nada, a propósito. Sei que meu dever em sua vida foi cumprido, assim como seu dever na minha também. Você me ensinou o que era amar e o que era amor, além de muitas outras coisas, e hoje, posso desfrutar de tudo o que plantamos juntos. Espero que você se lembre de tudo o que eu disse, porque não quero que nada tenha sido em vão. Você se fez muito importante pra mim, e sempre terá um espacinho no meu coração. Mas lembre-se: você não pode mandar as pessoas embora e depois culpa-las por irem. Mais uma vez fiz o que você pediu e cá estamos. A vida seguiu, o tempo passou e eu não posso mais esperar por ti. Não depois de toda a humilhação, depois das noites em prantos e das desculpas que você precisou dar para não nos encontrarmos ocasionalmente. Sobre os planos que fazíamos, espero que tudo ocorra como você planeja. Espero que você encontre a felicidade em novos mares, e que não tenha medo de navegar em determinadas tempestades. Que a insegurança e a incerteza não te permeiem mais, para que você enxergue com clareza os caminhos que decidir tomar. Além de tudo isso, te desejo sorte, e não se esqueça de plantar sementes sadias para colher bons frutos. Eu ainda te amo e sempre amarei. Só não estamos ou estaremos mais na mesma sintonia.

Sim, eu ainda estarei aqui se quiser conversar, desabafar, chorar ou assistir aquela série que deixamos para assistirmos juntos. Serei eternamente grata pelo o que você me ensinou sem perceber e por tudo o que passamos juntos. Serei eternamente grata por você ter cruzado o meu caminho e ter me proporcionado alguns dos melhores momentos dessa vida efêmera. Você foi e é uma pessoa incrível, e espero que permaneça assim até o fim. Eu ainda te amo e sempre amarei. Só não estamos ou estaremos mais na mesma sintonia.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Cris Marques’s story.