Ando vadiando demais

vagabundeando

puta demais.

Quero dizer que ando flanando por aí

sem emprego

com ódio do mundo.

Mas, como sou mulher,

não posso ser vadia

vagabunda

puta.

E mesmo que seja

não me é permitido estar puta.

Se fosse Ricardo,

se fosse Fernando

ou Chico

seria “flaneur”

vagabundo malandro das ruas

puto com o sistema.

Só mais um intelectual boêmio.

- e ainda soa charmoso. -

Mas não sou nada disso,

sou apenas Maria

e Maria, como sabem

é vai com as outras

é xingamento

Maria é

(insira aqui algum objeto que me rotule como mulher que gosta de namorar homens de profissão específica)

Maria é mulher-objeto

Maria somos todos nós contra o mundo.