Comportamento emergente e emergência

Não é sobre a cruz vermelha ou qualquer coisa importante da área da saúde. Em termos práticos a emergência pode ser explicada mais pelo viés da imprevisibilidade. O designer cria um produto e assim que chega na mão dos usuários, são usados de formas que o designer não havia previsto. Mas não confunda, com uma falha de design, “não estão usando o botão x estão usando o botão y para a ação tal”. Os comportamentos emergentes vão além disso, normalmente não é só o processo que é imprevisível ao designer, mas também o objetivo e toda a forma de uso.

Acho que uma forma simples de explicar é usar a palha de aço, não sei exatamente a história da criação e do desenvolvimento das palhas de aço mas eu acho que não era previsto todo o lance de colocar a palha na antena para melhorar o sinal da Televisão. Ou o criador do prego que provavelmente não previu as pessoas remendando a correia do chinelo. Ou o criador da bolacha que jamais imaginaria a briga entre bolacha e biscoito.

Brincadeiras a parte, esses tipos de comportamento são imprevisíveis por definição, mas eles podem ser induzidos. E na verdade de uma forma muito simples. Quando a gente fala sobre aplicações interativas onde o usuário influência em algum resultado que é gerado pelo computador, há a definição de espaço emergente. Este é o campo de possibilidades que podem acontecer e surgir da aplicação. No entanto quanto menos regras e mais liberdade o software e a aplicação tem, maior é o campo emergente, e assim “mais única” vai ser a experiência do usuário e aquela interação específica.

Se você já jogou RPG de mesa, sabe o que isso, quando sente a liberdade de literalmente poder fazer qualquer coisa, desde que o dado (e o GM) permita. Você sabe o que é passar por uma situação que jamais vai se repetir, até porque nenhuma party vai ser igual a sua, nenhum personagem vai ser como o seu, e a situação nunca vai ser a mesma de novo, sem falar nos dados que não vão dar o mesmo resultado duas vezes.

Existe sim, uma possibilidade matemática de tudo isso se repetir, até porque está tudo dentro das regras. No entanto as regras são generalistas e frouxas o suficiente para criar a sensação e ser percebido como uma experiência única.

Emergência é isso. Tentei mesmo não escrever demais, afinal tem muita coisa sobre esse assunto e eu sou um entusiasta. Mas diz ai que tipo de comportamento emergente você faz ou já viu acontecer?