Feeling stuck and confused.

Thought of the day.


In the end of every “story” I’ll write in portuguese as well!

I hope someone can relate to me so I don’t feel alone.

I’m in a phase of my life that I feel stuck, as if there’s nothing in this world that I could do and enjoy at the same time.

With 18 years old, we are asked to make one of the most difficult decisions of our lives (at least for me, I don’t know about you)— going or not going to college . One year later, with 19, I keep asking myself every day if I made the right choice. I’m too young to choose a career for the rest of my life.

So I decided to move on with my choice just to see if I liked. Today, I still don’t know if I like it… or maybe I do know but I don’t want to accept it.

It's not that I'm afraid to try new things, I just don’t know what to do and this annoys me a lot. Therefore, I’m not motivated enough to keep trying college life. However, I’m still there. Feels like it doesn’t worth it anymore because everything always runs in the same way and not the way I want it.

“What to do with my life?”

The more I ask that question, the more unhappy I get. With that said… don’t be like me, please.

Life sucks and I don’t know how to make it better. (YET!)


Sinto-me presa e confusa.

Espero que alguém se relacione comigo nisto, para eu não me sentir sozinha.

Estou numa fase da minha vida em que me sinto presa, como se não houvesse nada neste mundo que eu pudesse fazer e gostar ao mesmo tempo.

Com 18 anos, pedem-nos para fazer uma das decisões mais difíceis da nossa vida (pelo menos para mim, não sei quanto a vocês) — ir ou não ir para a faculdade/universidade. Um ano mais tarde, com 19 anos, continuo a perguntar-me todos os dias se fiz a escolha certa. Sou demasiado nova para escolher uma carreira para o resto da minha vida.

Eu decidi seguir em frente com a minha escolha para perceber se gostava. Ainda hoje não sei se gosto… ou talvez saiba mas não quero aceitar isso.

Não é que tenha medo de experimentar coisas novas, apenas não sei o que fazer e isso irrita-me muito. Por isso, eu não ando motivada o suficiente para continuar esta vida de faculdade. No entanto, continuo lá. Sinto-me como se já não valesse a pena porque corre sempre tudo da mesma maneira e não da maneira que quero.

“O que fazer da minha vida?”

Quanto mais me faço esta pergunta mais insatisfeita fico. Com isso dito… não sejam como eu, por favor.

A vida é uma porcaria e eu não consigo torná-la melhor. (AINDA!)