Por que acho que esse mundo deve acabar

Texto Original de Pince Ea (traduzido)
Vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=itvnQ2QB4yc

“O Mundo está chegando ao fim
O ar está poluído, os oceanos contaminados
Os animais estão sendo extintos, a economia entrou em colapso
Educação está baleada, a polícia é corrupta
Inteligência é evitada e a ignorância recompensada
As pessoas estão deprimidas e com raiva
Nós não podemos viver uns com os outros e não podemos viver 
com nós mesmos, então, todo mundo está medicado.
Passamos uns pelos outros nas ruas
E se falamos é uma comunicação robótica sem sentido
Mais pessoas querem 15 segundos de fama
Do que uma vida de sentido e propósito
Porque o que é popular é mais importante do que o que é certo
Julgar alguém é mais importantes do que a verdade
Nosso governo constrói duas vezes mais prisões do que escolas
É mais fácil encontrar um Big Mac do que uma maçã
E quando você encontrar a maçã
Ela foi geneticamente modificada e processada
Presidentes mentem, políticos nos enganam
Raça ainda é um problema, assim como a religião
“O seu Deus não existe, o meu Deus sim e ele é todo-amor”
Se você discordar de mim eu vou te matar
Ou pior, ainda discuto com você até a morte
92% das músicas no rádio são sobre sexo
As crianças não brincam de pega-pega
elas fazem vídeos rebolando
As pessoas em média assistem 5 horas de televisão por dia
E tem mais violência nela do que nunca
A tecnologia nos deu tudo o que poderíamos querer
E, ao mesmo tempo rouba-nos tudo o que realmente precisamos
O orgulho está a todo tempo lá em cima, 
a humildade, todo tempo lá embaixo
Toda mundo sabe de tudo, todo mundo está indo para algum lugar
Ignorando alguém, culpando alguém
Não há mais seres humanos sobrando
Muitos humanos permaneceram no passado
O dinheiro ainda é a raiz de todos os males
No entanto, nós dizemos a nossos filhos ‘não faça esse curso”
O salários não é bom
Boas ações só são feitas quando há um benefício próprio
Vídeos das desgraças dos outros se tornam viral
Nós rimos e compartilhá-los com os nossos amigos para rirmos juntos
Nossos exemplos de hoje
60 anos atrás teria sido exemplos do que não ser
Há estados onde as pessoas podem ser legalmente discriminadas porque nasceram de uma determinada maneira
As empresas investem milhões de dólares contratando especialistas para fazer as meninas sentirem que precisam de maquiagem para serem bonitas
a todo momento diminuindo suas autoestimas
Porque elas nunca serão suficientemente bonitas
Para atender a esses padrões impossíveis
Corporações nos dizem: compre, compre, compre, pegue isso, pegue aquilo
Você deve exibir, você deve se encaixar 
Isso vai fazer você feliz, mas nunca por muito tempo
Então o que podemos fazer em face de toda essa loucura e caos?
Qual é a solução?
Podemos amar
Não é o amor que você ouve em sua canção favorita no rádio
Quero dizer o verdadeiro amor, amor verdadeiro, amor sem limites
Você pode amar, amar uns aos outros
A partir do momento em que acordamos até o momento que vai 
para cama
Realize atos de bondade, porque isso é contagioso
Podemos ficar atentos durante toda essa interação
Plante sementes da bondade
Mostrando um pouco mais compaixão do que o habitual
Podemos perdoar
Porque daqui 300 anos será que o rancor que você manteve contra seu amigo, sua mãe, seu pai vai ter valido a pena?
Em vez de tentar mudar os outros, podemos mudar a nós mesmos
Nós podemos mudar os nossos corações
Nos venderam mentiras
Sofrendo lavagem cerebral por nossos líderes e aqueles em quem confiamos
Para não confiarmos em nossos irmãos e irmãs
E para expor a raiva, o ódio e a crueldade
Mas uma vez que verdadeiramente amamos enfrentaremos a raiva comcompreensão
Ódio com compaixão
a crueldade com bondade
O amor é a arma mais poderosa na face da Terra
Robert Kennedy disse uma vez que
Poucos terão a grandeza de mudar a História
Mas cada um de nós pode trabalhar para mudar uma pequena porção dos eventos
E, no total de todos esses atos
Será escrito na história de uma geração
Então, sim, o mundo está chegando ao fim
E o caminho para um novo começo começa
dentro de você”
One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.