É irracional você não colocar painéis solares imediatamente, tipo agora mesmo

Os painéis solares vem caindo de preço drásticamente nos últimos anos, seguindo uma lei exponencial quase análoga com a lei de Moore dos processadores (tem até uma lei disso, a lei de Swanson). O resultado prático é que após muito tempo sendo demasiamente caros e relegados como uma opção de pouco custo benefício, os painéis solares se tornaram tão baratos a ponto de ser irracional você não encher sua casa com eles agora e imediatamente

Como assim?

Nos preços atuais praticados no Brasil tanto para os painéis solares quanto para as tarifas elétricas, o tempo de retorno (isto é, o tanto de tempo que leva para os painéis se pagarem diante da economia de luz), gira entre 3 e 10 anos ao depender das características e escala da instalação.

Como se chega nesse número de 3 a 10 anos? Uma instalação solar basicamente tem três componentes essenciais: os paineis em si, o inversor de energia e a instalação (fiação, colocação e mão de obra). Ao somar os custos de todos eles e considerar que a tarifa de energia aumenta todo ano devido a inflação (na ordem de 4% anuais), é possível facilmente montar uma tabela descrevendo quando vem o lucro.

Adicionalmente, há de se considerar que a vida útil dos paineis solares é cotada na ordem de 40 anos, o que representaria três decadas de lucro relativo.

Me mostre os números

O preço de um painel de 265W de uma marca boa custa normalmente R$1.000,00, do qual gera em média 32kWh / mês em condições reais de São Paulo. Os inversores variam bastante de preço, mas depende da potência instalada e via de regra quanto maior a quantidade de paineis, menor o custo proporcional com inversores. Adicionalmente há um custo de fiação, mão de obra e suporte que irei estimar em R$1.000,00.

Se considerarmos que a tarifa elétrica está custando R$0.69 por kWh no mês, e que uma residência genérica consome R$160,00 no mês, então ela consumirá na ordem de 230kWh ao mês. Logo, são necessários 8 paineis solares para acabar com a conta de luz, o que ocasionaria um custo de R$8.000,00. Adicionalmente, existiria um custo em cerca de R$3.000,00 com inversores de energia. Logo, o custo total da instalação seria de R$12.000,00.

Uma divisão simples resultaria que em 6 anos e 4 meses o painel solar seria pago pela conta de luz, mas se considerar uma inflação anual de 4% na tarifa, o resultado virá antes: virá no meio do 5º ano.

E ao considerar a inflação, o lucro após 15 anos terá sido de ~R$26.000,00, o suficiente para mais outras duas instalações!

Vocês podem brincar com minha planilha e fazerem contas personalizadas aqui: https://docs.google.com/spreadsheets/d/1-arjIZOwLqu06c7O_Ip6FLq1wr2z1Pl3QKA_lmh8VB8/edit

Mas funciona mesmo?

Sim funciona. A instalação de um painel solar é simples pois devido ao sistema de cŕeditos de energia em vigência desde 2013, não há necessidade de instalar baterias ou complicações. Tudo o que você precisa é colocar o painel solar, ligar ele em um aparelho chamado inversor, e ligar este em um relógio dedicado a ser fornecido pela Eletrobrás de forma obrigatória.

Basicamente o que acontece é que você vai gerar energia que irá para a rua e existirá um relógio que medirá essa quantidade. Essa quantidade será transformada em créditos dos quais irão abater sua conta de luz. Caso haja um excedente de cŕeditos, eles poderão ser usados para abater a conta de luz nos meses seguintes ou em outros locais (http://www.aneel.gov.br/documents/656877/14913578/Caderno+tematico+Micro+e+Minigera%C3%A7%C3%A3o+Distribuida+-+2+edicao/716e8bb2-83b8-48e9-b4c8-a66d7f655161)

Eu não tenho dinheiro por causa da crise

Se você não tem dinheiro, ai sim que fica mais importante você considerar a ideia dos paineis solares. Você pode financiar em determinados bancos a instalação de paineis solares com juros abaixo do normal devido ao mesmo ser um projeto sustentável. É claro que os juros vão aumentar o tempo de retorno, mas você pode pensar o seguinte: você pode tomar um emprestimo de modo a pagar a mesma coisa por mês do que você paga atualmente na conta de luz: a diferença é que você vai pagar para o banco ao invés para a operadora de energia, e após 1 ano a mais, você não vai pagar para ninguém!

Conclusão

Se você tem qualquer tipo de casa ou terreno que dê para colocar paineis solares, não perca tempo: coloque agora mesmo. Não há desculpas — mesmo sem dinheiro é possível tomar financiamento que irá lhe fazer economizar a médio prazo sem nenhum risco grande.

E se você tiver dinheiro e for um capitalista, deixe agora mesmo de investir nos fundos de ações e nos imóveis: o painel solar tem retorno seguro em ~5 anos enquanto os imóveis só tem seu retorno em ~30 anos e ações são incertas. Você quer melhor que isso?

Edit

Um colega meu sugeriu que paineis solares seria um investimento inferior em relação a poupança por exemplo, pois esta em 15 anos geraria um ganho maior do que os paineis. Isso é verdade em parte devido aos juros compostos, mas há de se considerar que eu não considerei que as economias dos paineis seriam aplicadas em fundos. Se por acaso fosse feita a aplicação das economias na poupança, o resultado seria esse gráfico:

Os paineis solares são uma poupança superior a poupança em um prazo de 5 anos. Os parâmetros que usei para essa simulação foram investimento inicial em 12k, tarifa incial em 0.69 reais por kWh, consumo mensal médio em 230kWh. A inflação foi variada para cada ano de tal modo que seguisse uma gaussiana com média em 5% e dispersão em 1%. O gráfico que você vê são 10.000 simulações diferentes com inflações variantes.

E se a mesma análise fosse aplicada a algum investimento utópico que rendesse 3x mais que a inflação (em um cenário de hoje com inflação em 6%, o rendimento seria de 18% por exemplo), teriamos o seguinte:

Conclusão: se você tiver algum dinheiro, invista em energia solar. o código para as simulações está aqui: https://github.com/danilolessa/computacoes/blob/master/analises/investimento-solar.ipynb