Como planejar um baita 2018

Final/início de ano sempre rolam umas listinhas com planos infalíveis pra um ano incrível.

Por aqui já é tradição! Normalmente eu comprava uma agenda nova pelo natal/ano novo e após a meia noite, ia para o meu quarto escrever tudo o que deu certo, o que deu errado e o que eu queria para o novo ano. Hoje, eu prefiro não escrever o que deu errado, mas o que eu quero melhorar. Aquela vibe de não focar em coisas negativas já é uma baita dica!

Mas ei, se tu não sabe como garantir que as tuas metas realmente sejam alcançadas, se liga nas dicas à seguir:

1. Liste tudo o que tu quer!

É tipo um brainstorm, aqui não vale dizer não. É hora de pegar o papel e a caneta e listar todas as tuas vontades. Sejam mudanças, conquistas ou desafios!

2. Comece a selecionar…

Ok, quinhentasmil metas anotadas? Agora é legal pegar canetas coloridas para separar: metas contínuas, de curto, médio e longo prazo. Ou seja: o que tu quer ou o que tu sabe que só vai rolar todos os dias (ou periodicamente), para até 3 meses, para 6 meses e para o final do ano.

3. Reescreva e planeje!

Agora sim nós vamos planejar! 
Pega uma folha nova e divide em 3 colunas:
META | QUANDO | COMO?

Rá, agora sim! Agora tu vai ter que pensar em como vai fazer isso acontecer, do que tu precisa… É a parte do planejamento mesmo. Normalmente, é mais fácil definir o quando depois do como, pois pensando no que precisamos para tornar aquilo realidade pode fazer com que percebamos que pode rolar antes ou depois do que imaginamos. ;)

4. Coloque na cabeça que vai acontecer!

Isso faz com que as chances aumentes 90% (e essa porcentagem é minha mesmo, haha). Ano retrasado eu coloquei como meta andar de avião (eu ainda não tinha andado) e alguns meses depois rolou a oportunidade de ir para São Paulo. Tudo é baseado em planejamento e fé! Não basta só querer, mas acreditar, ser realista e fazer o possível para que aconteça.

Além disso, esse ano eu fiz 4 perguntas pra mim mesma:

Quem eu quero ser em 2018? (seja bem realista, ein?!)
O que eu quero melhorar? (aquele lance das good vibes)
O que eu quero repetir? (coisas maravilhosas que precisam dobrar)
O que eu quero conquistar?
(ainda sobre quem eu quero ser)

Essas perguntinhas me ajudaram a refletir melhor em quem eu quero ser, no geral, mas como fazer pra isso acontecer. Além das metas, vale muito a gente reavaliar quem somos e como podemos melhorar, né!?

Espero que as dicas te ajudem a conquistar teus sonhos e planos e, de quebra, a a ser uma pessoa melhor em 2018! ❤


Se tu gostou deste texto, não esquece de bater a palminha ali no canto e me seguir por aqui, que volta e meia eu escrevo algo bacana. Não esquece de curtir minha página, me seguir no insta e usar a #baita2018 nas redes sociais. Créditos ao Heryk Slawski pelas fotos lindas que eu tô amando (e me amando). Até mais!