Precisamos falar sobre a vida em uma agência de propaganda.

Você provavelmente tem rótulos para todas as profissões. Não se julgue por isso, é natural, todos temos. Eles sempre existirão.

Hoje eu queria falar de um deles: a da publicidade. Você, leigo na área, provavelmente tem uma visão muito aquém da realidade das grandes agências de publicidade. Se é um universitário do curso de Publicidade e Propaganda então, nem se fala. Já ouvi de tudo por aí: quais roupas usamos, que somos esquisitos, que ficamos desenhando e escrevendo o dia todo, que só comemos pizza…Mas precisamos conversar sobre isso.

Uma agência, antes de mais nada é uma empresa. Não deixe seu forninho cair. Uma empresa com RH, contabilidade, administrativo, regras, metas e tudo o mais que qualquer empresa tem.

Ah, mas vocês têm horário flexível! Veja lá, não é bem assim. A grande maioria das pessoas confundem flexibilidade com “faça como bem entender” e a coisa caminha pra outro lado. Não podemos simplesmente fazer o horário que bem entendemos. Nós, trabalhadores de agência temos horário sim, ta lá no nosso contrato, horário pra entrar e sair (é tem horário pra sair sim). O que acontece é: se você trabalhou na noite anterior até às 6:30 da madrugada, pode ir pra sua casa dormir e entrar um pouco mais tarde. Se o trabalho está atrasado você vai ficar até mais tarde. Não é nada mais do que como funciona qualquer empresa hoje em dia. A flexibilidade também depende muito do seu gestor, se ele for tranquilo com isso você pode chegar um pouco mais tarde no dia do seu rodizio, caso contrário vai ter que chegar na agencia às 7h. Muitas vezes quando você precisa ir ao médico, ao banco ou resolver um problema pessoal ninguém vai encanar com você, mas quando você precisar, vai ficar até mais tarde ou chegar bem mais cedo ou até ficar sem almoçar pra terminar um trabalho. Nada além do comum.

Exceto algumas áreas, não podemos simplesmente vir trabalhar de pijamas. Temos que vir bem vestidos, arrumados. Vir de bermuda as vezes até pode, mas com regras. Ninguém vai pra reunião com o cliente vestindo fantasia e também ninguém fica na mesa trabalhando de terno e gravata.

Outra coisa que é curiosa é a visão de que em agencia temos sala de descompressão, mesa de jogos e sei lá mais o que pra diversão. Não existe isso em toda agência da mesma maneira que não existe isso em toda empresa (sim tem coisas legais em empresas também). De novo o reforço: uma agência é como uma empresa.

Não vivemos nesse mundo paralelo que nos rotularam também. Acreditem, existem metas, existem prazos e existe muita cobrança. Qualquer semelhança com vendas é mera coincidência.

Criamos coisas legais e projetos bem bacanas vão ao ar. Mas algo é fato: todas essas coisas nos fazem virar noites e noites em claro, algumas boas brigas e bastante dor de cabeça. Não acreditem na ilusão de que tudo dá certo apenas com um toque de mágica.

Ah, e vale lembrar: não existe pagamento de horas extras.

Agências de publicidade são exatamente como empresas, só que mais legal.

P.S.: Não comemos pizza todos os dias!