Como você lida com uma crise de ansiedade?

O mundo está desmoronando na sua cabeça!

Hoje (22), por volta das 11h, se instalou em mim uma crise de ansiedade. Se você, assim como eu, já passou por essa situação, sabe que não é um momento muito agradável. Dor no peito, respiração acelerada, torpor na cabeça e cansaço são apenas alguns dos sintomas indesejáveis.

Eu já tive outras duas crises de ansiedade no ano passado, sendo que uma delas eu tive que ir para o hospital. Lembro-me que a dor no peito era tão forte que eu tinha vontade de morrer — eu realmente achava que isso iria ocorrer. Por mais que eu “jorre” dicas de como se livrar desse mal, você sabe, no seu íntimo, que cada pessoa lida com esse problema do seu jeito, da melhor forma possível.

Pois bem: a primeira coisa que eu fiz (que foi meio idiota, veja bem) foi procurar no Google algumas dicas de como me sentir melhor. Li algumas postagens, mas nada que surtisse “aquele” efeito esperado. A segunda coisa que eu fiz foi respirar bem pro-fun-da-men-te. Todo mundo fala que respirar de forma consciente te ajuda nesses momentos, pois você acaba focando no presente e se “esquecendo” do que está te afligindo. Fiz isso por alguns minutos, mas eu ainda continuava com a dor no peito.

Resolvi, então, continuar meus afazeres. Fui à uma reunião com amigas queridas, liguei para minha vó, chequei meus e-mails e tirei um cochilo de quase uma hora. Quando acordei… “rapaz”… parecia que a dor ainda vivia dentro de mim. Decidi, portanto, fazer um brigadeiro, porque “os doces são os melhores amigos da nossa curta existência”, não é mesmo?

Se você me perguntar se eu estou bem, mesmo tendo se passado quase 9 horas desde o início da crise, eu vou te dizer que não, porém, eu acredito que as coisas vão melhorar. Eu ainda estou com dores no peito, minha cabeça está com um leve torpor, como se estivesse pesada, eu estou cansada, de mal humor, com sono e sem vontade de fazer absolutamente N-A-D-A.

Como você lida com a sua ansiedade? Você toma banhos quentes? Bebe chás ou outras bebidas bem quentinhas? Vê o seu seriado ou filme preferido mais uma vez? Busca alguém para conversar? Faz carinho no seu animal de estimação? O que deixa mais feliz nessas horas? Me conta?

Eu ainda estou buscando a melhor forma de lidar com a minha ansiedade — e também com as crises que ela desencadeia. Como ela ainda não “decidiu” ir embora, vou dar mais uma chance para a minha série do momento… quem sabe, dessa forma, eu esqueço que ela existe! Pelo menos por hoje!

Edit: Depois da série ainda não me sentia bem… tentei essa meditação e foi uma das melhores coisas que eu poderia fazer pelo meu dia. Espero que te ajude também :)