e o simples ato de cheirar-te

cheirar teu cangote é
como usar uma máquina do tempo
faz a terra parar e os ponteiros
deixarem de correr

e os segundos que se sucedem
enquanto me afundo em ti
não pertencem a esta realidade
e não acontecem fora de mim

você sorri distraído
e demora a perceber
que todo o universo parou
para que eu me perdesse em você