SUCESSO

Aos quinze anos te dizem que você precisa buscar o sucesso e que pra isso é necessário se enquadrar.

Aos dezoito, você opta por fazer aquele cursinho que vai te garantir a vaga na faculdade. Prioridades são prioridades e você precisa repor o tempo perdido nas futilidades em que se dedicava na infância.

Aos vinte, depois de vencer todos os obstáculos que a vida de quem não tem grana lhe impõe, você ingressa na tão sonhada universidade federal que lhe disseram ser o melhor caminho pro tal sucesso.

Aos vinte e um, mesmo depois de todo o sacrifício feito até aqui, se sente burro e incapaz por não ser o aluno exemplar e se questiona se o sucesso é realmente pra si.

Aos vinte e dois, já perdeu as contas das noites que passou em claro estudando para as provas de um modelo arcaico de ensino. Se pega questionando sobre quando tudo isso culminará no tão sonhado sucesso.

Aos vinte e três, percebeu que para alcançar o sucesso era necessário se matar por dentro, já que para o sucesso só serviam aqueles que se enquadravam a um sistema corrompido e abominável.

Aos vinte-e-tantos, prometeu a si mesmo que enfrentaria toda e qualquer possibilidade de sucesso que poderia lhe interferir de ser quem gostaria de ser.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.