Médicos paralisam atividades pela terceira vez e exigem música no fantástico

Os médicos de Caxias do Sul revindicaram na noite desta segunda-feira (10) o direito de pedir uma música no Fantástico. A manifestação ocorreu após a categoria decidir em assembleia por uma nova paralisação na cidade.

O presidente do Sindicato dos Médicos, Marlon Ney dos Santos, argumentou que Tadeu Schmidt deveria abrir uma exceção. “Sabemos que ainda é segunda-feira e que falta muito para o Fantástico ir ao ar, mas gostaríamos de destacar nosso esforço para atingir essa meta e pedir ‘A canção do Senhor da Guerra’, do Legião Urbana”, disse.

O representante dos médicos ainda argumentou que não é todo ano que um acontecimento dessa magnitude acontece no país. “Na última vez que paralisamos as atividades com essa malemolência o Sartori ainda era o prefeito”, lembrou.

Alo Tadeu acaba com essa palhaçada de música por favor

Na Sede Oficial do Império, Daniel Galera foi breve ao responder as declarações de Marlon. “Eu não ligo para esse tipo de situação”, garantiu.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.