Minimalism (A_documentary about the important) — 2016

Como já falaram, é meio irônico ter propaganda em um documentário sobre minimalismo que fala justamente sobre a sobrecarga de informações inúteis que recebemos no dia a dia, haha. Cadê o foco?

Lembrei um pouco do “O segredo”, que também se apossa de uma ideia boa. Porque de fato são ideias verdadeiras. Sobre a meditação e saúde mental. Sobre não fazer a mínima diferença ser rico e ser pobre (Só para lembrar, eles não estão a falar sobre pobreza extrema). Sobre comprar apenas o que precisa (são ótimas as cenas da blackfriday, para mostrar o quão louco isso tudo é).

Sempre penso isso ao ver os preços das comidas em fastfood, por exemplo. Será que vale a pena comprar no McDonalds um mísero lanche por 30 reais, que poderiam ser transformados em produtos no super mercado que dariam para uma semana inteira? Não acho que sejam tão gostosos e diferentes assim para valer tanto a pena, além de que não seriam a escolha mais saudável. E quanto às “superfícies para jantar”, será que uma simples tábua comprada na madereira não substituiria uma mesa comprada em uma loja de imóveis por preços exorbitantes? A estética é tão importante assim? É por isso que eu escrevo “superfície para jantar”, porque as pessoas costumam esquecer para que de fato as coisas servem, e se apegam a rótulos como “mesa” para designar essa utilidade desconhecida.

Você não está a comprar uma “Mesa Fortuna com 6 cadeiras Alto Brilho Prêmio Vel Pena Bege” por 2 mil reais, na verdade, é apenas um pedaço de vidro para você colocar os pratos em cima enquanto come por 5 minutos sua comida.

No mais, “você pode não ter controle sobre ganhar mais, mas tem controle sobre gastar menos”.

Like what you read? Give Foca a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.