Poemas falam por sim #1

O encontro

_Ana Martins Marques

Combinamos de nos encontrar num livro
na página 20, linhas 12 e 13, ali onde se diz que
privar-se de alguma coisa
também tem seu perfume e sua energia
combinamos de nos encontrar num mapa
depois da terceira dobra
entre as manchas de umidade
e a cidade circulada de azul
combinamos de nos encontrar
na primeira carta
entre a frase estúpida em que reclamo da falta de dinheiro
e a única palavra escrita à mão
combinamos de nos encontrar
no jornal do dia, em algum lugar
entre os acidentes de automóveis
e as taxas de câmbio
combinamos de nos encontrar
neste poema, na última palavra
da segunda linha
da segunda estrofe de baixo pra cima

(Kindle, posição 168)

Like what you read? Give Mary Almeida a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.