Gulp + ES2015= ❤

Recentemente, durante meus eventuais passeios pelo GitHub, resolvi ler o ChangeLog do gulp para ver o que tinha sido atualizado e disponibilizado nas ultimas versões. Para minha surpresa, e alegria, um dos itens era: add babel support.

Atualizei a versão do gulp e comecei a desvendar os segredos dessa atualização, que pra mim parecia mágica.

O sorriso já brotava no rosto.

Não demorei muito e encontrei entre os issues um tópico que falava exatamente sobre o que estava procurando: Support ES6.

Havia nele o passo-a-passo de como fazer a mágica funcionar. Precisava apenas estar com o gulp atualizado, renomear o gulpfile.js para gulpfile.babel.js e instalar o babel localmente. Simples!!!

$ npm upgrade gulp && npm upgrade -g gulp
$ mv gulpfile.js gulpfile.babel.js
$ npm install --save-dev babel babel-core

Pensei comigo: não pode ser, está tudo muito fácil. Executei os comandos e…

Shazam!!! Funcionou!!!

Acredito que essa seja a maior alegria de um programador: ver sua mágica funcionar. Por menor que seja a alteração, ver seu código rodando sem erros com certeza é um sentimento muito bom e te faz buscar novos desafios.

Porém ainda era cedo para comemorar, ainda não havia alterado o conteúdo do gulpfile.babel.js. Troquei os requires por imports e transformei as Functions em Arrow Functions.

$ gulp

Executei o gulp e…

Shazam!!! Funcionou novamente!!!

Minha noite estava ganha e já podia dormir tranquilamente.


Caso queira dar uma olhada no código que criei de exemplo, ele está disponível no GitHub.


Conselho: Estou aprendendo muito nos últimos meses e isso está ocorrendo graças ao GitHub. Em breve irei escrever um texto sobre isso, mas por enquanto fica a dica:

Passeie pelo GitHub, conheça novos/velhos projetos e absorva o máximo de conteúdo que conseguir.