Aquarela

para se ler com música.

ela fez do meu corpo um batuque
toques apertos repiques
pela arte do som


me vi numa alegria enoarme
meus pés voaram no céu
viajei pra nuvem do seu cabelo
só pra olhar a lua
de mayra, de câncer, a sua
que mora nos zoin que alumia os meus

e sigo voando
nos descaminhos do vento
no pó do que sinto

e me afundo fortão
peixin no aquário
chein de tinta azul

azul do mar
……do céu
……do horizonte que junta os dois
e da linha torta dessa caneta
que junta loucuras à palavras minhas

Show your support

Clapping shows how much you appreciated O nome é nuvem’s story.