VONTADE

Tu veio em meu sonho

e estendeu-me a mão

Levou-me por um caminho

que parecia-me real

Era escuro

Mas tu fez brilhar

por onde

nós passamos

O suave toque de seus dedos

Os olhos faiscando

O teu aroma no ar

Sera que era teu cheiro mesmo?

Acordei sem saber

se era real ou não

Se era mesmo tua mão

que eu segurava

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.