capa do canal no Youtube

Nova série no Youtube

Criei uma nova série no meu canal do Youtube: Tutorial Rápido — como fazer. A ideia é produzir vídeos com simplicidade e melhor qualidade. Para isso, vou testar um novo formato, que ainda estou avaliando, mas que me parece interessante para quem assiste e para quem produz. Vou comentar um pouco sobre essa ideia e minha experiência de produtor de conteúdo para Youtube.

Primeiro vídeo da nova série

Custo para produzir um vídeo

Criar um vídeo e colocar no Youtube parece muito simples. Realmente é simples, afinal basta gravar o vídeo, criar uma conta do google e fazer o upload do vídeo para o Youtube. Certo? Mas quando se deseja produzir algo com maior qualidade, será que continua simples e barato?

Um dos pontos positivos de publicar vídeos na internet é que temos os feedbacks dos próprios usuários, que podem dar Likes positivos e negativos, além de comentar sobre os vídeos publicados. Assim, vamos saber se o que fizemos agradou ou não.

…somente você vai decidir se quer melhorar ou não.

Aprendi muito com a experiência produzindo duas séries no Youtube. É claro, me refiro a experiência de produzir algo amador, ou seja, produção não profissional. Isso porque, quando comecei a fazer os vídeos para internet, a ideia era fazer alguns vídeos complementares para ajudar meus alunos entender melhor os assuntos que estavam sendo vistos na faculdade.

Mas logo que comecei a receber os feedbacks, especialmente de pessoas que não eram meus alunos, observei que se quisesse algo melhor, com mais qualidade, simplicidade e com audiência, teria que repensar a forma de fazer vídeos e com certeza, gastar mais energia e dinheiro nessa empreitada. Não somente dinheiro, mas principalmente, o tempo usado para fazer os vídeos.

Tal como qualquer projeto empreendedor. Quando começamos, não temos muita habilidade e acabamos gastando mais energia do que o normal.

O risco aqui é desistir de continuar, seja porque não vê retorno neste investimento, ou porque descobriu que não leva jeito. Eu sempre suspeitei que nasci para ser professor, para ajudar pessoas aprenderem, mesmo sendo um assunto específico como programação. Mas não conseguia ver um retorno financeiro para sustentar esse projeto. Resolvi descobrir tentando.


Sobre a produção dos vídeos

Segundo minha experiência, quando há desejo de produzir vídeos na internet, temos que nos preocupar com os seguintes aspectos:

  • captação do áudio;
  • gravação do vídeo;
  • iluminação do ambiente;
  • conteúdo a ser produzido; pautas, assuntos…
  • audiência, público-alvo;
  • software para edições (áudio e vídeo)
  • propósito (objetivos)…
  • tempo para gravar;
  • tempo para editar;
  • divulgação do vídeo.

Os itens acima são exemplos de coisas que são necessárias para produzir minimamente conteúdos de qualidade. Ainda assim, acredito que o mais importante seja o propósito e ter objetivos. Sem isso, dificilmente você vai ter energia para continuar. Abaixo as séries originais que foram produzidas:

Criação de Interfaces Gráficas Java no NetBeans

11 vídeos 39.576 visualizações (coletado na data deste post)


Programação Orientada a Objetos com Java

11 vídeos — 28.532 visualizações (coletado na data deste post)


Monetização

O Youtube oferece um programa de monetização que pode ser incorporado em seu canal e nos seus vídeos. Se os seus vídeos tiverem audiência, pode-se obter monetização e você receberá em dolar (U$).

1 vídeo — 2.705.854 (coletado na data deste post)

Há grandes canais de pessoas bem populares que faturam bastante dinheiro. Mas pode ter certeza que trabalham muito para obter esse retorno. Além disso, dependendo do seu público-alvo e segmento de audiência, vai variar as receitas.

Um formato "efetivo" de produzir vídeo-aulas?

No meu canal estou adotando um novo formato de produzir os vídeos. Estou gravando a tela sem interação com o microfone no primeiro momento. Após gravar o vídeo do assunto que desejo tratar, faço a narração do conteúdo assistindo com tempo acelerado do vídeo original.

Assim, ganha-se tempo considerável. Posteriormente, edito e sincronizo o áudio com o ponto de início da narração. Um trabalho que pode ser feito em outro momento. Isso permite dividir para conquistar.

Esse formato não quer dizer que seja definitivo, porém, me mostrou uma nova possibilidade de ganhar tempo na produção do conteúdo principal. Pois posso gravar o conteúdo onde estiver. Seja na viagem para Caruaru (PE), onde dou aulas a noite, ou no intervalo do trabalho, no C.E.S.A.R.

O mais importante é ter um propósito ao fazer os vídeos. O objetivo deste canal é ajudar qualquer pessoa aprender programação.