Amar a Deus sem medo

“Eu sabia que tu és Deus misericordioso e compassivo, muito paciente, cheio de amor e que prometes castigar, mas depois te arrependes.” Jonas 4:2

Jonas conhecia o Deus que tinha e sabia que Ele é misericordioso e amoroso. O escritor usa uma figura de linguagem chamada antropopatia, que é atribuir a Deus um sentimento humano. Jonas também conhecia os ninivitas e sabia que era um povo muito cruel, por isso os odiava com toda sua força e tinha receio que, ao escutar a maldição do Deus vivo, o povo se arrependeriam por causa do tremendo castigo que sofreriam. Jonas não entendia seguir a Deus sem legalismo nem medo da condenação. Muitos vivem ainda sob a sombra do medo e passam a obedecer Deus legalisticamente, não conseguindo regalar-se com a alegria, liberdade e a salvação de Deus. Quando conseguimos compreender que Deus Criador nos ama de forma incondicional como Pai, nutrindo nosso ser de sentimentos puros e nobres, tais como arrependimento sincero, humildade, alegria e paz em meio à tribulação.

Que tal aceitarmos Deus com sinceridade e usufruirmos o Seu amor, deixando de lado o medo que nos rouba todo sentimento bom vindo do nosso Deus e Pai?

Hellade Fonteles

Conecte-se com a IBMorumbi
Site: ibmorumbi.com.br
Facebook: ibmorumbi
Instagram: ibmorumbi
Youtube: youtube.com/ibmorumbi
Baixe nosso app na Apple Store e Google Play