Se você é culto, você é um mala!

Você deve estar se perguntando do porquê de você ser um mala “Oras, não sou mala coisa nenhuma, passei horas e horas de minha vida me divertindo entre livros, filmes, teatros, músicas, shows, vídeo games, línguas etc porque esses são meus interesses”. Aí que você se engana, bobinho! A verdade é que você é um pedante que usa de todo o seu conhecimento para subjugar os pobres mortais em sua volta.

Porque o normal era você gostar de futebol, escutar a música do momento, estar preocupado com a roupa da moda e com o próximo carro para substituir o seu que não alcançou nem 40.000 Km rodados. Alias, você pode até ser um pouco culto, pode soltar que gosta de Machado de Assis, dizer que escuta rock dos anos 80, mas JAMAIS deve se delongar muito nessas bandas. O seu conhecimento deve apenas demonstrar que você não está imerso unicamente em futilidades.

Existem regras de etiqueta a se seguir. Se você realmente for culto, esconda isso em todo happy hour do trabalho, em toda reunião familiar e churrascos de turma. A sua cultura deve estar adstrita apenas a você e seus amigos igualmente pedantes. Seja próximo a uma ameba. De preferência, tente se inteirar sobre os últimos três jogos de seu time fictício e sua posição no campeonato, concorde com os sensos comuns de política e comente sobre o filme blockbuster do momento. Pode até falar da premiação do OSCAR, mas nunca mencione os seus preferidos de Cannes! A verdade é: não seja você! Você é um mala, pedante demais, não vale a pena chatear as pessoas em sua volta com os seus interesses de gente pseudo intelectual.

Entre no jogo das conversas das outras pessoas! Apresse-se em exibir o novo ap quatro quartos que adquiriu, o carrão do ano que comprou com rodas de liga leve e a próxima viagem a New York para umas comprinhas básicas. Isso é aceitável, alias, é indispensável que as pessoas vejam e regojizem-se com o seu sucesso. Porque sucesso de verdade é isso!

A verdade é que dane-se toda a filmografia do Hitchcock que você assistiu! Todo o seu conhecimento de filosofia, literatura e arte vão te servir para quê? Isso não enche barriga nem engorda conta bancária, apenas o seu ego narcisista e pedante de gente mala!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.