Hoje me sinto feliz

Hoje posso dizer que estou com um sentimento bem sincero de felicidade comigo. E sempre pensei que eu deveria parar todos os dias, olhar para o dia que passou e pensar nas coisas boas que aconteceram e agradecer por elas.

Claro, não só as coisas boas, as coisas ruins também, porque aprendemos algo com elas. Mas hoje me sinto muito feliz e o que quero é focar nas coisas boas que me aconteceram, e por muita sorte, acho que nada de ruim aconteceu.

Cheguei em casa agora há pouco, percebi essa alegria e me perguntei o porque de eu estar assim; como um meio mesmo de autoconhecimento para eu buscar mais as coisas que me fazem verdadeiramente feliz, não o que me impõem que preciso fazer ou ser para ser feliz.

Então agora parei, pensei, refleti, resolvi listar e compartilhar com vocês esse meu pequeno momento de euforia.

  1. Sexta-feira foi meu primeiro dia em um trabalho que eu queria muito. Não é um trabalho formal mas acredito que seja um que possua um perfil que tenha muito mais a ver com a minha personalidade; ao invés de eu ficar tentando me encaixar em ambientes corporativos e não enxergando que esse meu insucesso seja resultado dessa incompatibilidade. Então esse é um trabalho onde eu possa conhecer pessoas novas, poder gerar las felicidade e criar boa experiência com as mesmas.
  2. Sábado tive que descansar mas a noite havia uma festa de aniversário de uma pessoa muito querida que a conheci recentemente; e isso me fez pensar o quanto a gente consegue criar laços com as pessoas em tão pouco tempo, e com certeza isso é uma das coisas que mais me motiva.. fazer amigos não importa aonde, como ou porque, para compartilhar boas risadas juntos.
  3. No sábado de madrugada, fomos para um festa, e eu adoro festas haha mas fora isso, foi realmente incrível ver como a gente vai criando memórias juntos. Na festa havia combinado de fazer uma “despedida de solteiro” com um outro grupo de amigos, um grupo de amigos que nem grupo é mais… é minha família, e falo isso sempre… e a família está crescendo (: Há dez anos nos conhecemos, dançamos juntos, fizemos muitas coisas juntos… E hoje é acompanhar a história um do outro sendo feita, seu irmão (de outra mãe) casando, logo menos tendo filhos e ver que todos os outros irmãos estão sempre lá para celebrar juntos.
  4. Na festa, um ponto à parte, conheci uma pessoa que achava que não conheceria tão cedo. Aquele tipo de pessoa que você acaba conhecendo sem mais nem menos por aí, acaba criando uma ligação enorme com ela sem ao menos conhecê-la direito.. Mas que no fundo você sente que aquela pessoa é especial e você tem que ter por perto, que você não pode deixar escapar por nada; porque esse tipo de pessoa não se encontra todo dia… Para mim, essa coisa de energia, intuição e sentimento são os indícios mais confiáveis que a gente pode ter para qualquer coisa.
  5. Hoje no domingo, foi um dia muito tranquilo, mas tão bom quanto o fim de semana inteiro. São raros os momentos em que conseguimos sentar frente a frente com alguém e ficar conversando por horas e horas, no meu caso posso contar nos dedos de uma mão as pessoas com quem consegui isso. Uma troca de idéias e uma conexão mental que nos acrescenta também não é algo que podemos deixar passar.
  6. E por final? Passar esse finalzinho de domingo com as pessoas que você gosta lembrando dos bons momentos que vocês passaram no fim de semana juntos e dando boas risadas juntos.
vai ficar com o ‘kd frases’ sim porque to com preguiça de editar

Mas sabe o que eu acho? Que talvez a vida seja feita disso, um pouco clichê agora, mas a vida é feita de momentos. Então, eu sinto, não tenho certeza porque ainda não cheguei lá, mas parece que a vida tem que ser que nem esse meu fim de semana, uma extensão dele; que no final eu vou estar sentado com as pessoas que eu amo, olhar para trás e ver o quanto vivi, cresci, aprendi e sorri com todas elas.

Para todas essas pessoas que me ajudam a construir a minha vida e as minhas memórias, amo muito vocês ❤

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.