Ela me abraça.

Enquanto abraço-a eu a escuto dizer bem baixinho em meu ouvido

Se cuida

Uma voz doce, carregada de sentimentos, de chegadas e despedidas

Vejo um leve revirar e logo sinto seus lábios em meu rosto

Estupida hora de pensar: Ela me deu um beijo na bochecha

Porque isso me é tão estranho? Porque me é tão… gentil… ?

Me vejo sorrindo sem saber explicar

Que abraço apertado, que abraço gostoso.

Quanto tempo faz? Uma vida?

Me afasto um pouco, quero vê-la de novo.

Passei as últimas horas olhando pra ela e agora tudo o que quero é faze-lo novamente

Esse rosto, essa cintura, esse desejo.

Lhe dou um beijo.

E que beijo.

A single golf clap? Or a long standing ovation?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.