Mas Eu Não Entendo Nada de Arte!

Se escutar essa frase for um esporte eu quero a minha medalha 
de ouro agora! O problema da maioria das pessoas quando se depara com uma obra de arte é a compreensão: “Mas eu não sei nada sobre arte”. Essa confissão espontânea de ignorância não se deve a uma falta de inteligência ou consciência cultural.

Ouve-se isso da boca de escritores famosos, diretores de cinema, políticos, e acadêmicos universitários de grande erudição. O problema da maioria das pessoas quando se depara com uma obra de arte é a compreensão. E como tem muita coisa acontecendo no mundo da arte, haja rivotril pra tentar entender tudo.

É um banho de lucidez quando você olha para uma obra de arte e sente afinidade e o desejo de possuí-la. Um público novo, descolado e cosmopolita quer arte que fale do seu tempo. Arte original, dinâmica e empolgante: arte que fale sobre o aqui e agora. Arte desejável e moderna; arte ruidosa, rebelde. Divertida e avançada.

A verdade é que não existe um código para gostar de arte: ou você gosta ou não.