Deixar de ser…

Pedir a quem não vai fazer.

Ensinar a quem não quer aprender.

Pagar a quem não quer receber.

Perdoar a quem só faz me foder.

Ajudar a quem não se importa em agradecer.

Viajar com quem não quer conhecer.

Me preocupar com quem não sabe viver.

Procurar por quem não quer me ver.

Chorar por quem não vem socorrer.

Calar quando meu sangue ferver.

Sustentar o que precisa ceder.

Postar o que ninguém vai ler.

Imaginar o que você vai dizer.

Meu defeito é sempre esquecer do que eu tenho que lembrar:

Esperar.

Noites bem dormidas (divertidas!) pra raiva passar.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Eduardo de Souza Caxa’s story.