Eu

Eu sorri. Eu vivi. Eu senti sua falta diariamente. Eu achei que te perdoei. Eu te amei. Eu te odiei. Eu me dediquei.Eu te ouvi. Eu te ajudei.Eu te aconselhei. Eu fui sua amiga. Eu fui sua mulher. Eu fui sua amante. Eu fiz planos. Eu quis estar com você. Eu te fiz companhia. Eu falei coisas que você precisava ouvir. Eu te lembrei o quanto você é lindo. Eu te apoiei em todas suas loucuras. Eu briguei a cada loucura. Eu quase morri de ciúmes. Eu descobri suas mentiras. Eu vivi.

Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei… Eu acreditei…

Eu sorri sozinha. Eu acreditei sozinha. Eu vivi sozinha. Eu senti sua falta, sozinha, diariamente. Eu sozinha achei que te perdoei. Eu te amei sozinha. Eu te odiei sozinha. Eu me dediquei sozinha. Eu te ouvi sozinha. Eu te ajudei sozinha. Eu te aconselhei sozinha. Eu fui sua amiga sozinha. Eu fui sua mulher sozinha (ou não). Eu fui sua amante sozinha (ou não). Eu fiz planos sozinha. Eu quis estar com você sozinha. Eu te fiz companhia sozinha. Eu falei sozinha coisas que você precisava ouvir. Eu, sozinha, te lembrei o quanto você é lindo. Eu te apoiei sozinha, em todas suas loucuras. Eu briguei sozinha, a cada loucura. Eu quase morri sozinha de ciúmes. Eu descobri suas mentiras sozinha (ou não). Eu vivi sozinha. Eu estou morrendo — SOZINHA.

Isso tudo foi só sobre mim. Você nunca esteve ali. Ou melhor, aonde você esteve?

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.