Coloque os Juros para trabalhar por você e saia da corrida dos ratos

O primeiro livro sobre educação financeira que li foi Pai Rico, Pai Pobre de Robert T. Kyiosaki e Sharon Lechter.

Já deve ter mais de 10 anos que li este livro e eu não me lembro as circunstâncias que me fez escolher, comprar e ler. O único detalhe que lembro é que eu estava longe de ser o leitor que me tornei hoje, mas eu já tinha um hábito que contribuiu para minha educação.

Sempre que ia ao shopping, eu gostava de entrar numa livraria que chamava Sciciliano e que nem existe mais. A vontade que eu tinha era de comer os livros. Na verdade eu tinha era preguiça de ler. Mas mesmo assim sempre saía de lá com uma sacolinha na mão e deve ter sido assim que comprei o Pai Rico, Pai Pobre.

Eu li o livro e confesso que demorei muitos anos para colocar a aprendizado em prática.

Hoje posso afirmar que é o livro que mais me impactou, pois depois de muitos anos ainda lembro das lições e agora eu pratico a educação financeira como um estilo de vida.

A lição mais importante do livro vem sob o nome de a “corrida dos ratos”. O autor explica que as pessoas para honrarem seus compromissos, trabalham igual burro de carga a vida toda. Elas trabalham pelo dinheiro e muitas dessas pessoas quando conseguem um aumento de salário, aumentam também seus gastos, seu padrão de vida e como consequência reforçam ainda mais a dependência pelo trabalho assalariado.

A ideia central deste conceito é que você trabalhe na construção de ativos para livrar-se deste ciclo vicioso fazendo o dinheiro trabalhar para você e não o contrário.

Mas qual é o segredo?

Coloque os juros para trabalhar por você.

A fórmula é simples: Guarde parte de todo dinheiro que você receber e investe para render juros.

Imagine que depois de uns 30 anos de muito trabalho, certamente você não terá a mesma energia e a mesma saúde para continuar se sacrificando no trabalho. Nesta hora você poderá diminuir o ritmo ou até mesmo parar de trabalhar.

Já pensou em fazer somente aquilo que gosta? Esta é ideia, o dinheiro trabalha enquanto você se diverte. Não é justo que depois de anos de dedicação ao trabalho você continue preso na corrida dos ratos devido aos altos gastos necessários para sustentar um padrão de vida ostentado durante sua idade produtiva, sem nenhum compromisso com seu futuro.

Eu morro de medo de depender de governo em momentos de tamanha fragilidade, como saúde e velhice. Pense nisso!

20 frases inspiradoras do livro “Pai Rico, Pai Pobre”

Este artigo foi originalmente publicado em http://inteligenciafinanceira.net/coloque-os-juros-para-trabalhar-por-voce-e-saia-da-corrida-dos-ratos/