Estudar ouvindo música

Segunda-feira 13, saí da cama, troquei de roupa e passei meu café.

Voltei para o escritório peguei meus livros e pendrive. Saí de casa para as aulas do dia. Um novo ano, uma nova turma de terceirão e uma conversa sobre as dicas e conselhos para uma rotina de estudos saudável e a preocupação com o ENEM e vestibular.

Uma certeza que os meus alunos tem: a de que vão estudar muito e por muito tempo nesse ano letivo. Agora, esse estudo não precisa ser um momento de tédio. Eu sei que muitas vezes quando estamos estudando bate o sono, dá uma preguicinha. Tem dias que a gente logo pensa em desistir ou se distrai com algo que parece mais interessante e menos tedioso.

Quando estou estudando eu também me distraio, assim como vocês e isso é normal. Uma das formas que encontrei para me manter acorda e concentrada é ouvir música enquanto estou lendo, revisando conteúdos e preparando as aulas.

Agora, quando eu falo de ouvir música não pensem que pode ser qualquer tipo, existe uma restrição: ela deve ser apenas intrusmental ou estar em uma língua que você não entende. Então me desculpem, mas não vai ser hoje que vocês vão estudar e ouvir a música preferida da balada que te faz dançar até o chão.

O nosso cérebro usa diferentes áreas para processar a linguagem (falada e escrita), a música, os números e a orientação espacial. Quando estudamos sempre ativamos a área dedicada à linguagem e é importante que ela possa focar apenas no que estamos estudando. Sendo assim o melhor é estudar ouvindo apenas músicas instrumentais.

Isso quer dizer que vocês poderão apenas ouvir música clássica? Claro que não! Eu não costumo estudar ouvindo música clássica, sempre estou buscando opções de playlists e para isso o Spotify é meu melhor amigo!

Se liga aí nas minhas playlists preferidas para estudar:

Trabalhando até tarde

Foca no estudo

Foco Indie

Bons estudos!