ACABOU CHORARE

Acabou.

2014 acabou massacrado pelo povo. Teve que ser escoltado até a saída de emergência. O povo vaiando, gritando- se tivessem garrafas de água na mão, jogariam- Um alvoroço que só.

Mas ele acabou. Saiu de cena.

Tá indo embora e ninguém vai sentir saudades. Ninguém para falar- Fica, vai ter bolo. Ninguém para chorar sua despedida.

2014 acabou, como se não precisasse ter existido- é o que estou escutando por aí.

E pra mim? Bom, ele se esforçou. Quando foi dada a largada, ele saiu na frente. Tentou ao máximo. Deu o seu melhor. Mas não foi suficiente.

Não podemos culpar só 2014. Foram as condições, o tempo, o calor, o humor, o amor… Não deu.

E ele tá acabando na praia. Nadou o ano todo e vai morrer na praia. Sozinho. Desprezado, mas com roupa branca e calcinha amarela, cueca se preferir- pra trazer dinheiro. Vai pular as 7 ondas e já postou sua retrospectiva do facebook. Houve curtidas.

2014 foi o melhor que 2014 poderia ser.

Acabou.

Like what you read? Give Emmy Tajima a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.