Manifesto de Páscoa

Nós, em uma vasta gama de questionamentos sobre o posicionamento de empresas em datas festivas, encontramos paradoxos e indagações que constituem nossas crenças, nossos sentimentos e as vivências que devem ser aplicadas ao mercado publicitário, aos nossos clientes e, claro, a nós mesmos.

Muitas vezes esquecemos do que assumimos nas convicções diárias e trabalhamos para enquadrar mensagens criativas e efetivas de simples felicitações, tentando favoritar a mente de pessoas com pensamentos diretos, mas que são efêmeros pela pouca profundidade aplicada no cumprimento. Na Páscoa, tal infortúnio encontra precedentes maiores pela divisão de entendimentos relacionados à data.

O doce sabor que toma conta das nossas bocas por muito tempo foi o real significado da Páscoa. Em tenra idade era o que nos motivava e crescemos aprendendo que o chocolate, o coelho e os ovos guiavam as comemorações. Para outros, a morte e ressurreição daquele visto como salvador motivam crenças a uma introspecção que celebrasse a vida em família, o amor em conjunto e o regresso interior em busca de esperanças renovadas e sentimentos fraternais.

Sem diminuir uma e sem exaltar a outra, queremos juntar essas duas linhas de exaltação da Páscoa e seguir um caminho único, que represente, para nós, os festejos de uma época com a renovação característica do período Pascal com a alegria ligada à celebração.

Para isso, centramos os nossos sentimentos de felicidade na renovação que ambicionamos a todos. Mais do que desejos isolados, pensamos no conjunto e nos anseios que cada um tem para que a vida fique mais doce.

Acreditamos que não podemos parar, que a renovação deve ser feita diariamente para que a efetividade das nossas ações mude nós mesmos e o mundo como um todo. Ao renovar ideias, renovamos valores. Ao renovar conceitos, renovamos saberes. Ao renovar a compreensão, renovamos nós mesmos.

Ao renovarmos nós mesmos, renovamos a política, renovamos a segurança, renovamos a aceitação, renovamos o mundo em que vivemos.

Por isso, transpassamos os desejos ligados aos sentimentos fraternais e altruístas que caracterizam a Páscoa. Queremos mais. Queremos que você comemore com as suas convicções, mas acima de tudo, queremos que a sua celebração seja o ponto de partida para a reprodução de ideais almejados por todos e para todos.

Renovamos nossos sentimentos por você. Faça o mesmo por cada pessoa que vive ao seu lado.

Feliz Páscoa. Feliz tempo de renovação.

Abril/2017

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.