eu fiz um poema ridículo aos meus próprios olhos acerca da minha pré adolescência. também acrescentei algumas coisas do meu presente, tipo a sonequa em star trek.
falando em star trek, estou atrás de paciência para assistir a série clássica cujo personagem mais comentado é o tal do spock. ademais, ainda prefiro star wars e sigo firme ignorando os debates nerds cujo objetivo é hierarquizar coisas. afinal, nessa sociedade esquisita, um tem que ser melhor do que o outro senão tudo fica sem graça... quanta bobagem, terráqueos... 
minha última fala é: me tirem daqui!