Sobre seus olhos

Os relatos seriam diários, mas não deu. Meu mundo virou de cabeça pra baixo em dois dias e agora, aparentemente, está querendo voltar aos eixos. Vamos ver se vai.

O olhar. Ai o olhar de uma pessoa depressiva. É de cortar a alma. Eu olho e vejo aqueles olhinhos tristes, distantes, pensativos. Será se você pensa em quando ainda queria viver? Ou será se você pensa o quanto queria melhorar e sentir algo bom de novo? Sei lá.

Quando me pego te olhando e tentando imaginar o que estará passando pela sua cabeça eu fico morta de medo de você está pensando em desistir. Em dar um fim a essa dor que não parece ter sentido e nem fim.

Me lembro quando você me olhava e tinha brilho nesses olhos castanhos e levemente caídos. Ainda tento me segurar a essa lembrança e sonho que eles voltem a ficar assim novamente.

Será se é possível consertar o que está quebrado?