Fogo Heraclitiano

Eu invento mil coisas na cabeça?
Não. Se fosse mil eu tava bem.
Crio um infinito que não conheça.
E tudo que ele grita é “vem!”

Parece que teus passos são gelo
e já meus saltos estão em chama.
Toda falta que faz no meu pelo
é o motivo que meu corpo chama.

Porém, sua psique pueril me espanca.
A contagem regressiva, branda,
não resiste a isso, reza franca.
E toda exaustão de existir branda.

Minha mente queima e não sei onde seguir.
Não suporto mais todo o dever de devir.

Show your support

Clapping shows how much you appreciated Étore Braga e Santos’s story.