Exames de rotina ajudam a preservar a saúde ocular

Segundo Ministério da Saúde, 30% das crianças em idade escolar e 100% dos adultos com mais de 40 anos apresentam algum problema de visão.

Testes de visão são necessários para verificar como anda a saúde ocular. Eles medem a capacidade de enxergar de perto e de longe, investigar doenças, verificar se problemas no campo de visão, e avaliar a capacidade de ver cores diferentes.
Fazem parte de um exame oftalmológico de rotina para triagem de problemas de visão, servem para monitorar algum problema ocular, para determinar se você precisa de óculos ou lentes de contato, para acompanhamento após uma lesão no olho.

Conheça alguns dos mais rotineiros:

Acuidade visual: São os mais comuns utilizados para avaliar a visão. Eles medem a capacidade do olho para ver os detalhes de perto e de longe. Os testes geralmente envolvem a leitura ou a visualização de símbolos de diferentes tamanhos, em cada olho. Ambos os olhos podem ser testados em conjunto, com e sem lentes corretivas (caso o paciente use óculos ou lentes).

Refração: É um teste que mede a necessidade de se corrigir erros de refração. Geralmente é feito depois de um teste de acuidade visual. Os erros de refração, como a miopia e a hipermetropia ocorrem quando os raios de luz que “entram” no olho não incidem exatamente sobre a retina na parte traseira do olho. Isso faz com que a visão fique prejudicada.

Campo visual: O teste serve para verificar se há falhas periféricas de visão. O campo visual completo é toda a área visualizada quando o olhar é fixo em uma direção. São avaliados os dois olhos ao mesmo tempo. Detecta o mais alto grau de detalhe e os campos visuais periféricos.

Visão em cores: Verifica a capacidade de distinguir cores. O teste é usado para triagem de daltonismo em pessoas com suspeita da doença ou história familiar do distúrbio. O teste de visão de cores também é usado para os candidatos a trabalhos em áreas onde a percepção da cor é essencial.

Doenças oculares como o glaucoma, retinopatia diabética, degeneração da mácula, catarata, descolamento da retina, entre outras, são graves causas de perda da visão. Todas elas podem ser identificadas mediante exames oftalmológicos regulares. Avaliada num centro integrado, que disponha de todos os recursos em exame diagnóstico, uma pessoa certamente terá melhor visão, preservando a sua qualidade de vida!


Acesse o site ExamineJá e agende um exame preventivo nas clínicas credenciadas. Agendamento rápido e pagamento em até 6 vezes sem juros!

Like what you read? Give ExamineJá a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.