Fábio Chap

Escritor, colunista, roteirista. Pai, poeta, baixista. Escrevi. Escrevo. Escreverei? http://facebook.com/fabiochapfabiochap


Quem nunca foi cantado por uma tarada na rua?


A loja era uma dessas tipo Boticário. Logo na entrada estavam Bruna e Naty. Bruna com seu cigarro acesso; era um Lucky Strike vermelho. Naty…


Não começou em Junho de 2013; não vai terminar na Copa de 2014.

Análises e sugestões para a consolidação da democracia brasileira. 


12/06/2014


Sou Fábio Chap, escritor e ativista. Agora, já descansado, quero relatar como foi o dia 12/06/2014 aqui em São Paulo — Um dia que mudou minha vida.


O clitóris da vadia


Nasceu mulher e, quando pequena, costumava perguntar:

- Por que eu não tenho pipi, mamãe?

Publications edited by Fábio Chap

Fantasia realizada. Realidade fantasiada.

E na imagem: pães.

Latest Story

Abracéu

Um relato sobre cigarro

E a paixão que ele exerce


Eu vou começar esse texto me declarando:
Eu adoro cigarro!


Quem nunca foi cantado por uma tarada na rua?


A loja era uma dessas tipo Boticário. Logo na entrada estavam Bruna e Naty. Bruna com seu cigarro acesso; era um Lucky Strike vermelho. Naty…


Ouça-me bem, amor


Quer um texto pra se chocar ao final?

Então aqui está. 7 curtos capítulos de Cartola e angústia.


Tanto


quero saber
mais do suor
tanto
quanto
[você]


O orgasmo da mente

Gozar depois de morto não vale


Nascemos completamente fodidos. Tiram a gente de um lugar quentinho, com fácil acesso a tudo e nos trazem para um…