O hábito normal das pessoas muito bem sucedidas.

Originalmente públicado na Quora — por Nicolas Cole

Eu sou obsessivo.

Quando eu acordo todos os dias, eu puxo as cobertas da minha perna da mesma forma que faço todas as manhãs. Levanto, e me direciono para o banheiro. Todavia, todas as vezes que levanto da cama, eu paro e coloco o pé direito no chão antes de sair da cama, sempre o direito nunca o esquerdo.

Começo a escovar os dentes e começo sempre pelos molares, normalmente o superior direito. Depois vou ao banho. Pego normalmente o sabonete, e faço algo simples mas efetivo, esfrego 3 vezes o braço esquerdo do início ao fim, e depois o direito. Circulo o meu peito com o sabonete, mais três círculos pra baixo, axilas e nada mais.

Após isso, pego uma toalha, seco a cabeça, orelha direita, depois a esquerda, axila esquerda, axila direita, depois arrasto a toalha nas costas para secá-la, ida e volta, o suficiente para iniciar um incêndio, de tão forte que faço. Sacudo as pernas, e já começo a pensar no ritual de vestimenta.

Isso todos os dias!

Bom, quando eu era muito jovem, eu tinha o hábito de tocar a borda de cada balcão, parede, escrivaninha, mesa, cadeira, qualquer superfície plana que houvesse.

Se não o fizesse, não ficava tranquilizado.

Muitas vezes perguntavam a minha mãe e eu ouvia: “Senhora, acreditamos que seu filho pode ter ADHD (Déficit de atenção), juntamente com transtornos obsessivos compulsivos” — Basicamente isso foi me falado quase toda minha adolescência por médicos preocupados e presentes em relação ao meu comportamento.

De modo geral, eu não me encaixo…vamos lá…

O mundo não está tão organizado como você pensa.

Nós estabelecemos metas sem nunca termos auditado nossos compromissos atuais, diga se de passagem pessoais e profissionais. Nós nos imaginamos em um novo emprego, sem nos prepararmos para os caminhos que podem nos levar até lá. E isso sabemos que ocorre muitas vezes, mas nunca estamos atentos.

Falamos sobre mudanças pessoais que queremos fazer sem de forma alguma abordar quais obstáculos podem impedir que essas mudanças aconteçam.

Fazemos promessas, sem mesmo termos testado o nosso nível de comprometimento.

Nós falamos de futuro, tecnologia, sem mesmo sabermos descascar uma laranja muitas vezes.

Onde quero chegar, o mundo é um caos organizado, isso, na melhor das hipóteses.

Vamos argumentar o caos, usando a palavra:

ORGANIZAÇÃO, em seu significado no dicionário temos:

substantivo

O ato ou processo de organização.

O estado ou a maneira de ser organizado.

Algo organizado.

Estrutura orgânica; Composição: a organização desta pintura é bastante notável.

Um grupo de pessoas organizadas para algum fim ou trabalho; Associação: uma organização sem fins lucrativos.

O pessoal ou aparelho administrativo de uma empresa.

Os funcionários de um partido político, juntamente com os escritórios, comitês, etc., que preencheram.

As pessoas odeiam, falar sobre seus próprio hábitos, isso fica claro.

Normalmente, porque é difícil, só por isso. É difícil, revelador, é uma prova óbvia que você não está tão ocupado como diz, que você não é tão disciplinado como você pensou que era, que você diariamente perde tempo, muito tempo aliás. Você de fato muitas vezes não sabe o que quer, você luta com seus compromissos, muitas vezes não tem perseverança e conduta. Você se distrai, tem medo do fracasso.

Neste âmbito, você está vivendo uma mentira e das boas.

Mas e minha realização pessoal e profissional? Todos nós podemos falar o dia todo ou a vida toda sobre realização profissional, pessoal.

“Você quer saber o que eu quero fazer da minha vida seja ela em qualquer âmbito?” — Vamos aos exemplos mais comuns…

  • Vou abrir um negócio — ah, mas será uma grande empresa, aliás, bem sucedida, bom, talvez nem tão grande assim.
  • Vou morar no nordeste — acho que vou vender produtos naturais.
  • Acho que vou fazer um curso — depois eu vejo da empresa. No momento não tenho como fazer os dois. Não quero lidar com sucesso muito cedo. Sucesso, pode mudar as pessoas, você sabe. Na verdade, quero um objetivo menor, vou escrever um livro.

Tudo isso soa comum a você?

Complicado.

Você não deve pensar desta forma, o que eu posso realizar? E sim, em quais hábitos eu posso replicar.

Cada objetivo, conquista, prêmio, projeto, produto acabado, requer uma coisa: TEMPO.

Então antes de definir um objetivo, seja ele qualquer, pergunte a si mesmo 3 coisas:

  • Quanto tempo este objetivo deverá tomar em toda sua completude?
  • Quanto tempo eu tenho disponível?
  • Se eu não tenho tempo disponível, diante do avaliado como necessário, estou disposto a sacrificar alguma outra coisa em troca disso?

Quando eu era adolescente, meu sonho era ser um jogador de games, na época isso estava começando e haviam campeonatos ao redor do mundo que pagavam muito bem diga se de passagem.

Este objetivo, exigia, que eu jogasse pelomenos 3 horas por dia (mas o melhor era que fossem de 4 até mais). Desta forma conseguiria ter um nível competitivo para os demais nos campeonatos.

Bom a minha jornada diária era, estudante do ensino médio. Eu entrava na escola às 08h e ficava atè as 15h. Depois, por volta das 15h30 até às 16h30, tinha aulas de piano. Das 17h00 até 18h30, jantava com meus pais. E por fim das 19h00 até às 21h00, fazia lição com meus irmãos. Hora de dormir, era normalmente às 22h00. Como não tinha horário para o meu “sonho”, tive que me perguntar: “estou disposto a sacrificar alguma outra coisa em troca disso?”

E eu troquei.

Todas as noites eu fingia que ia dormir depois das 22h00. Apenas para jogar.

Jogava até às 03h da manhã. Quando tinha 17 anos, tornei-me um dos melhores jogadores e mais bem classificados do jogo que jogava, nos Estados Unidos.

Esta, é a receita, secreta para “realização”.

Me tornei um dos melhores jogadores, de todos os tempos depois, e não só isso. Com esta receita, segui adiante.

Sempre fui magro, mas com a receita que lhes digo, também fui fisioculturista. Comecei escrevendo artigos, e depois na mesma receita, fui para TIMES, FORBES, FORTUNE, HUFFPOST, APPLE NEWS, TRIBUNE e outros mais.

Abri uma agência de influência.

Enfim, esta é a minha história.

Tudo o que você precisa perguntar é…

  • Que hábito posso replicar dia após dia?
  • Se você quer ser escritor, o que precisa acontecer para você escrever duas horas por dia? — Se você não sabe responder essa pergunta, nunca será um escritor.
  • Se você quer construir uma empresa bem sucedida, o que precisa acontecer para você trabalhar nessa ideia de inicialização? — Senão souber responder também nunca será um dono de empresa.

As pessoas adoram falar.

Pare de falar sobre o que você quer fazer ou conseguir, o que eu quero saber é, como você vai otimizar seu tempo para praticar seu objetivo.

Não apenas hoje ok?

Todos os dias!

“Eu vou sim”

“Ah não eu sei, você não vai”

Diga-me a hora, que vai produzir, como vai se organizar, diariamente.

Como eu disse, anteriormente, sou obsessivo.

Se você gostou desta história, clique no botão 👏 e compartilhe para ajudar os outros a encontrá-lo! Fique à vontade para deixar um comentário abaixo.