Conheça Medellín a cidade que inspirou São Paulo

Boas politicas que inspiraram a maior cidade do Brasil para enfrentar os seus maiores desafios.

Cidades com poucas políticas para integração e convívio social tem como resultado uma série de efeitos negativos como o aumento da violência, a desconexão de pessoas, isolamento intelectual e a diminuição do acesso ao serviços, muitas prefeituras pelo Brasil esquecem de influenciar o convívio social e quando influenciam esquecem que necessidade de mudanças em muitas áreas para que o processo seja permanente, irei falar de alguns casos e políticas que podem servir como exemplo para nós e relacionar estes casos com São Paulo.

Urbanismo social de Medellín

O caso Medellín chama muita atenção pela extraordinária reviravolta provocada na cidade, que duas décadas atrás se encontrava numa sangrenta crise social e política, sob o fogo cruzado do narcotráfico, das Farc — Forças Armadas Revolucionarias da Colômbia, de grupos paramilitares e de uma ordem institucional completamente debilitada e ineficiente. Superar, em menos de 20 anos, foi resultado de uma união de todas as forças sociais e políticas atrás do objetivo comum e supremo da convivência e da civilidade, vamos citar nos textos algumas mudanças que ajudaram Medellín a dar volta por cima.

Aprimoramento da maquina pública

Sergio Fajardo, ex-prefeito de Medellín, trabalhou em alguns princípios essenciais como o combate irrestrito à corrupção, transparência total nas decisões, participação da sociedade, prioridade à cultura e educação, e “o melhor para os mais pobres” foi o foco do prefeito para criar um ambiente na prefeitura para melhorar a maquina pública. A estratégia da transformação esteve baseada em três questões: implementação de um sistema de transporte público e de acessibilidade eficiente e qualificado, provisão de serviços públicos de qualidade para toda a população e planejamento urbano e territorial de longo prazo. Em São Paulo o prefeito Fernando Haddad criou a CGM — Controladoria Geral do Município para acabar com a corrupção e criou o programa de governo aberto, com uma série de audiências públicas, melhorou o portal da transparência e os conselhos gestores dos equipamentos públicos.

A cidade para o transporte público, pedestres e ciclistas

A grande transformação de Medelim veio por meio do transporte, o transporte é peça essencial para qualquer transformação que envolva pessoas pois ele é responsável por conecta-las, cidades com transporte ineficiente, individualista e concentrado em poucos bairros geram problemas de conexões sociais, acesso aos serviços e empoderamento de espaços além dos bairros, já que viram cidades dormitórios, algo muito comum no Brasil.

Resolvido de forma criativa, com objetivo além do específico de transportar e integrar pessoas, mas também de estimular a cultura cidadã e a civilidade. A atual combinação entre trens elevados, ônibus em sistema BRT e Metrocable (teleféricos) constitui uma solução original adaptada às circunstâncias geográficas, complementada com sistemas de micro ônibus que acessam áreas mais remotas, e um sistema de bondes em vias de implantação. O programa urbano de acessibilidade inclui, naturalmente, o cuidado com as calçadas, um sistema integrado de ciclovias e até escadas rolantes para a Comunidade San Javier. A instalação de escadas rolantes para acesso às favelas surpreende pela originalidade e o poder de transformação social.

Nos últimos anos São Paulo anda experimentando a politica de priorizar o transporte ativo e público, com a expansão dos corredores de ônibus e da malha cicloviária, ainda precisamos melhorar muito o transporte sobre trilhos porém isso é responsabilidade do Governo do Estado de São Paulo.

Comunidade San Javier

Plano urbanístico

Definir as diretrizes do desenvolvimento urbano com objetivos de curto, médio e longo prazo é o ponto de partida para qualquer cidade começar a ter um norte para qualquer mudança, São Paulo recentemente teve o seu Plano Diretor aprovado, algo que irá mudar a cara da cidade ao longo dos anos. No caso de Medellín o poder político submete suas decisões às determinações do POT, não podendo alterar os objetivos traçados para o longo prazo, seguir o planos diretor é uma boa forma de criar estabilidade em mudanças positivas.

Mapa do plano diretor da cidade

Equipamentos públicos

CEU Navegantes

Os parques bibliotecas de Medellín criam inclusão e desenvolvimento principalmente as comunidades mais pobres e violentas, que experimentaram um processo notável de transformação e de reinserção social e urbana. Os edifícios, de arquitetura altamente qualificada, dignificam e são os motores da transformação. São Paulo tem uma política muito interessante que também é referencia, os CEUs- Centro Educacionais Unificados, que criar uma intervenção urbana e trazem serviços públicos para as pessoas e principalmente para a juventude desses lugares.

Foi em uma viagem a Medellín na Colômbia que o prefeito Fernando Haddad conheceu o modelo de FabLab — abreviatura de Fabrication Laboratory em inglês. Lançado em 2013, a rede de laboratórios criativos de São Paulo já é a maior do mundo entre as públicas, abrangendo todas as regiões da cidade, incluindo as periferias, com unidades nos CEU Heliópolis, Parque Anhanguera e Três Pontes, na zona leste.

São Paulo tem a maior rede de fab labs do mundo

Espero ver cada vez mais equipamentos públicos mais robustos e que conectem melhor as pessoas, porque eles podem construir relações sociais pois atendem os mais diversos interesses das pessoas, possibilita acesso coletivos aos serviços, isso também é uma forma de universalizar as oportunidades e melhorar as cidades.

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.