Felipe Gaúcho Pereira
Apr 9 · 1 min read

Oi, Henrique! Belo texto.

Não vejo distinção clara entre o descrito no Inciso II x Inciso III. Por que o tal $FLC (Filecoin) não "representa bens, serviços ou direitos", nas tuas palavras permitindo ao seu detentor fazer uso destes?

Para mim, ambos Incisos podem descrever a mesma coisa.

Entendo que o 1º Inciso tenta se referir a ativos que não sejam "proxy" para nenhuma coisa, que carreguem 100% de sua funcionalidade em si.

Você já leu a classificação proposta pelo Fernando Ulrich? https://medium.com/@Ulrich_98986/an-economic-definition-of-cryptotokens-3ac66d3cba20

Tendo a pensar que ela simplifica as coisas, preenche alguns vácuos (e.g. o das stablecoins), e delimita com mais clareza onde deve estar o foco da lei.

Que acha?

Abç

    Felipe Gaúcho Pereira

    Written by

    Partner @ Paradigma Capital; co-founder @ Paratii

    Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
    Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
    Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade