[Review] Masterchef Profissionais S02E04

“Cozinheiros e chefs são forjados igual espada, é só no fogo” — Guilherme Cardadeiro

Começo essa review com essa frase do Guilherme pois foi uma fala que me chamou muita atenção e que explica muito de quais os problemas que levaram a uma eliminação precoce. Além do fogo, ele esquece que a espada precisa levar bastante pancada e em seguida passar por um processo de resfriamento antes de poder ser usada com propriedade, e o erro dele foi não saber absorver as “pancadas” que os jurados deram e passar um tempo “resfriando” a cabeça para entender o que poderia fazer diferente.

É preciso entender que o Masterchef é uma competição, você não está ali para cozinhar para você mesmo, está ali para ganhar, e aprender a fazer o que os jurados mandam. Se na primeira prova, os jurados criticam o ponto da sua carne e você recebe uma punição por isso, pouco importa se você gosta da carne mal passada (ou crua), numa próxima prova tente apresentar uma carne com um ponto diferente e prove que a sua primeira decisão foi gosto pessoal, e não que você não sabe chegar ao ponto ideal.

A edição já apontava que ele seria um dos próximos a sair e, apesar do menino não ganhar muito destaque, a reação dos outros participantes tornou essa a eliminação mais emocionante até aqui. No entanto, isso não foi o bastante para me deixar menos irritado com a cabeça dura do rapaz que teimou em aceitar as criticas e seguiu fazendo as coisas segundo gosto pessoal. Ainda falta muito fogo, pancada e resfrio para chegar onde quer chegar.

O episódio como um todo foi ótimo, não consegui ver muita inovação na mini-caixa misteriosa, me pareceu mais algo que já foi feito mas com uma roupagem diferente. A prova como um todo também não me cativou o suficiente apesar de alguns participantes aqui e ali despertarem a minha torcida sempre que aparecem em tela (alô alô Luby e Ravi). A prova de pressão foi uma publicidade descarada, completamente dispensável, mas que valeu a pena por levar a Irina para o mezanino junto com a Raissa e o Paizão.

Apesar do discurso bonito e acertado da Paola, trazer a vaca para a cozinha/set de filmagem ainda foi algo meio esquisito mas não foi o suficiente para apagar o brilho dessa prova do leilão que sem dúvidas foi a melhor até aqui. Além de trazer uma dinâmica criativa e que realmente acrescenta para edição, forçou os participantes a utilizarem a cabeça e jogar com cautela.

Apostas e breves comentários:

1 — Ravi

Mantém sua posição como franco campeão mais provável. Vai bem nas provas, tem uma edição positiva (como quando aparece brincando com a Monique), e se mostra disposto a aprender com o que os jurados tem a dizer, inclusive quando eles estão só conversando entre si ou falando dos outros participantes. É uma postura que me agrada, postura de campeão. Como esperado continua entrando em conflito com o Jacquin.

2 — Raissa (+1)

Continua com uma edição bem favorável e com o seu desempenho nessa semana sobe uma posição no ranking ultrapassando a Irina. A narrativa de ser uma jovem cozinheira continua sendo explorada e tenho a impressão de que irão bater nessa tecla ainda várias vezes até o fim da temporada. É interessante ver como os jurados depositam confiança nela mas ao mesmo tempo me preocupa, ela tem que lidar com muita expectativa e agora cada vez mais com o olhar atento dos seus competidores.

3 — Irina (-1)

Ficou um pouco mais apagada nesse episódio do que no anterior mas continua mandando bem e apresentando uma boa edição. Toda a sua rixa com o Clécio no ultimo episódio parece que foi meio esquecida nesse, mas acredito que ainda volta a aparecer no futuro.

4 — Francisco (+1)

Acho que pro Francisco cabe muito o que a Paola falou sobre os dois chefs internos dele, o chef de coração, que cozinha para mãe e pela mãe, e o chef profissional, que trabalha no restaurante, e tem a prepotência que falei na ultima review. Eu gosto desse chef de coração que habita dentro dele, e felizmente o chef profissional não deu muito as caras nesse episódio. Com isso ajudando a melhorar sua imagem somado ao seu desempenho na primeira prova ele sobe uma posição no ranking.

5 — Mirna (-1)

Mirna vai mal e cai uma posição no ranking. Sinceramente eu acho que nos últimos episódios ela está numa descida pesada e só não a coloquei numa posição mais baixa aqui porque os outros participantes ainda não se destacaram tanto e não consigo ver ninguém melhor para ocupar essa posição.

6 — Pablo (+2)

Esse episódio foi um episódio de redenção para o Pablo, ele não chegou a ir super bem em nenhuma das provas mas tudo girou em torno dele se superar e se provar para o Jacquin (como esperado essa história continua e continuará até cansar). Inverto as posições dele com o Clécio pois agora acho que ele tem chances de ir mais longe.

7 — Lubyanka

ESSA MULHER MARAVILHOSA CONTINUA ROUBANDO MEU CORAÇÃO. Sério. Essa mulher é OURO em termos de entretenimento, é tv de qualidade, PRIMETIME TV! Minhas opiniões sobre ela não mudaram nada. Trabalha bem sob pressão, comete vários erros, alguns bem básicos inclusive, mas rouba a cena com seu carisma e personalidade incríveis. É um pouco delusional as vezes mas nunca de uma forma arrogante e prepotente e sim de uma maneira divertida e cativante. Ela é a gente quando se esforça muito para fazer uma coisa e fica tão feliz de ter conseguido que ficamos confiantes de que vai ser um bom resultado, mesmo que nem sempre seja verdade.

8 — Clécio (-2)

Continua fazendo um trabalho meio mediano, e cai algumas posições por não se destacar nem um pouco, a não ser quando está fazendo drama sobre o jogo e a saudades de casa. Algumas pessoas vem acusando de ser um choro forçado, dele estar fazendo drama e chamando ele de irritante. Entendo que essa ideia nasce do que nos foi apresentado no ultimo episódio mas não sei dizer até que ponto essa impressão é verdadeira, é culpa da edição, ou apenas birra dos fãs, só sei que isso indica menos chances de vencer.

9 — Monique (+2)

Monique me surpreendeu nesse episódio e conseguiu escapar da eliminação iminente que eu achava provável, no entanto a sua edição ainda não me passa muita força e ainda aposto nela para ser uma das próximas a sair.

10 — Angélica (-1)

Angélica prometia no primeiro episódio e mesmo hoje ainda é uma participante que me cativa, mas a cada episódio que passa ela desaponta mais, seja pelos erros, seja pelo desempenho mediano. Acho que ela sai mais cedo do que deveria, e por isso coloco aqui nessa posição.