BRASIL, O PAÍS DO DIGITAL!

Como a era digital está influenciando no comportamento dos clubes, jogadores e torcedores do futebol.

Por Fernando Portela

Que o futebol no Brasil é paixão nacional, todo mundo sabe, porém, algo está mudando na forma como se faz dinheiro nesse negócio milionário chamado futebol.

Mesmo que a grande maioria dos clubes ainda sejam “offlines”, percebe-se um aumento nos investimentos das marcas que patrocinam o esporte nas plataformas digitais.

O JOGO VIROU!

Numa matéria recente do globoesporte.com, o Corinthians acabava de anunciar a criação de sua nova plataforma digital e anunciava um projeto ambicioso para se tornar “o clube mais digital do Mundo”. E na matéria, o diretor de marketing do clube, foi além: — Hoje temos mais de 18 milhões de fãs em diferentes redes sociais. Eu quero trazer esses caras para dentro dessa plataforma, me relacionar com eles. Hoje não falo “bom dia”. Quero saber quem é o fulano, se ele é casado, se tem filhos, onde mora, se tem carro, qual o hábito de consumo dele. A partir disso vou deixar um terreno bem fértil para as empresas de mídia programática anunciarem neste site. Quantos mais pessoas navegando em minhas páginas, mais chance de eu ganhar dinheiro — explica Fernando Sales.

UMA REVOLUÇÃO QUE JÁ CHEGOU DANDO CARRINHO!

Pense comigo, com os valores cada vez mais altos para anunciar em mídias tradicionais, e a dificuldade para conseguir novos patrocínios, os clubes decidiram apostar no mercado online para crescer e se relacionar com seus torcedores. Além disso, ao fazer isso, conseguem saber de forma muito mais precisa, quais são as preferências do seu público, o que eles querem consumir do clube e quais são os produtos que mais faz sucesso entre eles.

E COMO FICA A PUBLICIDADE NESSE MUNDO?

Segundo o Interactive Advertising Bureau (IAB), a receita de publicidade digital nos Estados Unidos superou a da TV pela primeira vez em 2016 — revistas, jornais, rádios e outras mídias tradicionais foram superadas pelo implacável crescimento do mercado online.

Eu que vim da publicidade, vejo isso com bons olhos, porque dessa forma aumentará a chance da sua mensagem ser espalhada para mais pessoas e de novos negócios poderem revelar suas ideias e ofertas para o mundo, oferecendo seus produtos ou serviços com muito mais assertividade e por muito menos investimento. É amigo, o mundo mudou?

OS JOGADORES SÃO FENÔMENOS DIGITAIS

Bom, vou partir do pressuposto que você tenha instagram, e se tem, sabe que os principais jogadores do planeta, têm usado essa rede social para mostrar seu dia a dia, anunciar produtos e ter uma relação de proximidade muito maior com os fãs. Tem gente que não perde um post, sabe de todos os passos de um Neymar, Messi, CR7, apenas acessando o insta. Se pensássemos isso há apenas 8 anos, isso seria inimaginável.

TODA MUDANÇA DEMORA, MAS QUANDO CHEGA ATROPELA

Hoje temos bons exemplos de clubes que já vem usando as plataformas digitais tanto para vender suas camisas como para registrar a chegada de seus jogadores. Clubes gigantes e centenários como a Juventus, é um belo exemplo de revitalização não só dos seus canais de comunicação, mas da sua própria identidade visual. A tendência é que aos poucos todos os clubes passem a investir pesado em criar novas plataformas instantâneas de relacionamento com seu maior ativo, seus torcedores.

FIM DO PRIMEIRO TEMPO…

Porque sim, temos muito ainda a falar sobre o marketing digital influenciando o futebol, a música, o cinema, as empresas, em resumo, o mundo como um todo. Continue acompanhando nossas postagens aqui pelo blog do Flowww, comente, tire suas dúvidas e abra os olhos e deixe o Flowww entrar.

Fernando Portela

Digital Player