A tal da pancada

Filipe Bessa
Jul 24, 2018 · 3 min read

Vamos falar sobre um assunto muito simples, importante e que, devido a nossa leve (primeira ironia do texto) falta controle e exagero, virou um assunto bem delicado.

“É osso quando você está de boas, na sua, voltando do trabalho ou indo tomar uma cerveja com um amigo e se engasga com um canudo de plástico que estava boiando no meio do caminho né?”

Ah, nunca aconteceu com você?

Interessante, talvez seja porque você não é uma das 267 espécies animais que morrem devido ao acumulo de plástico nos oceanos, ou ainda porque você não é um dos 150 mil mamíferos marinhos que morrem anualmente por isso, sem falar nos milhões de aves e peixes…

Mas calma, não é pra se sentir mal por jogar plástico nos oceanos não… Afinal nós sempre compartilhamos videos fofos de focas, baleias e golfinhos, sempre choramos no final de Happy Feet e nunca deixamos de dar a nossa força naquelas votações online para uma causa fofinha (segunda ironia, só para deixar claro)….

Nós amamos o oceano, nós amamos o planeta que vivemos, nós temos que nos sentir mal por colaborarmos com o acumulo de plástico no meio ambiente sim!

Temos que buscar mudança em nós mesmos antes de achar que uma votação online pode ajudar mais do que “você fazer a sua parte”, temos que fazer como a Índia, que em 2015 recebeu uma pancada gigantesca e reagiu a isso!

Que pancada foi essa?

a tal da pancada

Eles estavam cercados de desperdícios de plastico e poluição oceânica. O Oceano Indico possui redemoinhos de água que prendem imensas coleções de resíduos em suas correntes e matam milhões de animais por mês com o acumulo de plástico nessa região.

Uma bela pancada, de fato, mas o que eles fizeram? Como reagir a isso?

No começo de Junho, o país do Taj Mahal (Google it) anunciou planos para eliminar, até 2022, o uso de artigos plásticos de uso único, como copos, pratos e talheres descartáveis. Não é queixo deles não, prova disso é a nova lei que entrou dia 23 de Junho na capital e maior cidade do país, Mumbai.

A proibição vale para a fabricação, uso, venda e distribuição de materiais plásticos de uso único, que incluem sacolinhas, pratos, garrafas PET e produtos feitos de poliestireno (o tipo mais conhecido é o isopor, aquele que a gente faz umas maquetes em cima).

Atualmente, o uso de plástico na Índia é de cerca de 11 quilos por pessoa a cada ano, uma taxa pequena comparada aos 109 quilos de plásticos consumidos por um morador dos Estados Unidos, o Mundo precisa mudar!

O Mundo precisa agir!

Vamos fazer como a Índia, Starbucks, American Airlines, Just Water (por favor, assistam esse vídeo) e ajudar a mudar a situação dos oceanos que a humanidade, essa tão desenvolvida e engajada nas redes sociais, tornou tão crítica.

Meu nome é Filipe Bessa, meu nome é Intention Ventures, meu nome é Converge, meu nome é Meio Ambiente e esse vai ser o primeiro dos muitos alertas que vamos lançar para que pelo menos você acorde.

Filipe Bessa

Written by

21, Comunicação, Design Thinking e Criatividade.

Welcome to a place where words matter. On Medium, smart voices and original ideas take center stage - with no ads in sight. Watch
Follow all the topics you care about, and we’ll deliver the best stories for you to your homepage and inbox. Explore
Get unlimited access to the best stories on Medium — and support writers while you’re at it. Just $5/month. Upgrade