Tudo novo diferente

Sou daqueles que acredita que cada dia é uma nova chance de recomeçar, de se reinventar e ter a oportunidade de fazer algo totalmente diferente do que foi feito anteriormente mesmo que a rotina obrigue a ter certos movimentos pré-programados.

Tenho que confessar que nem sempre fui assim, eu era uma das pessoas mais pessimistas desse universo, mas isso ficou no passado.

Acredito que chega um momento, que apesar de tudo que você passa, tudo que sente se você não começar acreditar nas melhoras e nas coisas boas que a vida dá, você tem a tendência de só atrair coisas ruins para a vida, e convenhamos, ninguém quer isso, né não?

A verdade é que com minhas 23 luas, esse coração que em meu peito reside, já passou e viu muita coisa, e escolheu não focar mais nas parres negativas desses momentos e tudo mais…

Se eu sou um sonhador, otimista e romântico incurável que nunca desiste até não aguentar mais? Sim, com toda certeza! E não me arrependo de nada disto e se você é assim também, meu amigo, você vive bem a vida!

Aprendi que nesse filme “called life” duas coisas são certeiras:

1 — um dia você vai morrer;

2 — não importa o quanto você evite é natural do ser humano amar;

E eu escolhi deixar meu coração aberto para amar o que eu faço, as pessoas que estão em minha volta e o que ele deseja, antes que eu morra e talvez você devesse tentar fazer isso também é “bão” demais.

Tenho que falar que to aproveitando para escrever esse texto porque é dia primeiro de outubro e por mais que eu não goste muito daqueles clichês de renovação que vemos pelas redes sociais todos os meses, as vezes eles são preciso para nos lembrar do quanto o obvio é importante.

Sério, a gente tem um mês completo pela frente, temos a chance de começar tudo de novo, aprender coisas novas, fazer coisas diferentes, abrir a cabeça e o coração para boas experiências e isso só depende do quão disposto a isso a gente vai estar, então guys, vamos tentar né!

One clap, two clap, three clap, forty?

By clapping more or less, you can signal to us which stories really stand out.