Meu Kanban de cada dia…

Não adianta, só a prática é que sedimenta o conhecimento! Se queremos aprender algo, recorremos à teoria, mas se não exercitarmos, não experimentarmos, não podemos dizer: “OK, agora eu já sei"! Pensando nisso e precisando urgentemente me organizar e focar no que preciso fazer é que transformei a parede da minha sala em um grande quadro kanbam! #Maluquice1 
Juntei tudo o que venho vendo e aprendendo ao longo desses meses e, como ainda não fui encontrada por um lugar para praticar (Hei! Ainda estou disponível! Cartas para a redação!), faço em casa mesmo! Lean Inception, Scrum, Kanbam, Agile Coaching, MVP, Mindset Agil, etc… Está tudo ali, naquela parede. Vamos aos pontos?

Por que físico e não digital?

Simples! Porque o digital comigo não funciona… Já havia me organizado mais de um bilhão de vezes, alias, “desde sempre" eu faço isso, sempre usando um monte de aplicativos. Tenho “ToDoIst", “Evernote", “Pocket Kanbam", “Google Keep", Calendário, Agenda e tudo mais… Até o Trello eu tentei… Mas eu esqueço de olhar depois de um certo tempo. Notificação? Ajudou até a página 2, depois eu cansei e desabilitei. A vida é mais bonitinha sem ficar pendurada no celular para tudo… 
Mas, como a necessidade é enorme, tive que recorrer ao que “Não tem jeito, tem que olhar”… Criei o “quadro" físico mesmo, na parede da sala que é para todas as vezes que eu for lá, eu vejo. O que é o tempo todo! Minha casa é bem pequena, só tem 3 cômodos, então é isso, é ver as atividades “na marra" e sentir vergonha de mim mesma toda vez que olhar as coisas sem fazer…
Bom, mas vou tentar explicar (mais) essa loucura da minha cabeça…

Tentando me fazer entender

Acho que só um post não vai dar, mas aí a gente divide… Até porque, há conceitos muito interessantes que quero explorar mais, pois podem ser estendidos ao mundo corporativo e ajudar os times a se organizarem melhor. Eita..mais uma tarefa pro quadro… OK, são mais…

Funcionamento Básico…

Tudo começa quando alguma Ideia surge, seja ela uma atividade mesmo ou um tema (Alô, Scrum…), sobre qualquer aspecto. Na verdade, o leque é restrito às áreas que cuido: Trabalho, estudo, casa, trabalho espiritual …Vou detalhar o conceito que chamei de ideia em um post separado, para podermos entender melhor.

Insights assim acontecem o tempo todo, especialmente em alguém com a cabeça em ebulição como eu… Minha mente não para quieta um minuto, só dá um tempo quando estou na dança... Nem na meditação ela sossega... Vige...

Com muitos pensamentos sobre temas e afazeres diversos, nem sempre tenho como saber se são bons ou ruins, se servem para alguma coisa naquela hora. Tem gente que consegue, mas eu não... Essa característica me faz, às vezes, perder algo bom ou investir em outro ponto que não se mostra muito legal depois. Por exemplo, neste meio tempo (9 meses...) fiquei uns 3 estudando para o GMAT e ANPAD, para depois perceber que não há como cursar o mestrado nos próximos anos (uma vez que estou consumindo a verba que ia usar para ele). Ou seja, foquei em algo que não era para ser naquele momento.

Lições aprendidas: Não ser afoita... Não sair a fazer as coisas no impulso, na empolgação sem avaliar antes.

Mas como, então, não perder de vista algo que pode ser interessante? Simples: Estacionamento de Ideias. Não tenho mais espaço para detalhar, mas fica a curiosidade para um próximo post... Mas, foi o mecanismo que encontrei para “salvar" o que vem à mente. Esse é o passo 1. Tudo o que penso e que creio que seja bom armazenar vai primeiro para ali.

As ideias nem sempre vêm organizadas em atividades, ou seja, em algo concreto. Às vezes sim, outras não... Além disto é preciso priorizá-las. Assim, o Refinamento (Podemos chamar de Grooming do Scrum) é necessário para organizar o estacionamento e dar a constância no trabalho (Preferi usar o fluxo continuo do Kanbam ao invés do timebox do Scrum). Outro post... Mais uma tarefa.

Ele não tem tempo certo para acontecer. Passei pela sala e notei que algo pode ir para seu destino, troco o post it! Reparei que está faltando atividade em algum tema, crio a anotação. No dia-a-dia, é assim que acontece, temos o momento específico para pensar, mas quem disse que é só naquele? Que eu não posso ir beber água e ter algo a acrescentar? Eu posso tudo, minhagente!

Continuando...

No Refinamento, há 5 efeitos possíveis para as ideias (por enquanto):

1. Ir para o Radar: Aqui são aquelas ideias que são bem mais “pra frente"... Não quero perdê-las de vista, mas ainda estão longe para pensar... Também vai ganhar um post (já ganhou, aliás, AQUI... Isso eu tirei da minha cabeça mesmo.. #Maluquice2

2. Granular: Ganhar tarefas (ou perder, se não fazem mais sentido). Famoso “dividir para conquistar... Lembrando que no Kanbam as atividades tendem a ter o mesmo tamanho e complexidade (a história dos ratinhos e elefantes...)...

3. Ir para o “A Fazer": Seguindo o fluxo de trabalho...

4. Ser excluída: Sem apego...

5. Permanecer no Estacionamento: Neste caso, a ideia será vista em outra oportunidade em breve.

Cada efeito tem sua forma de atendimento, mas como já passei de 800 palavras, vou deixar “na curiosidade” para detalhar em posts separados... Já tem muito trabalho pela frente, então peguemos mais...

Mas o efeito 3 eu já posso dar a dica, pois não é preciso que eu detalhe, porque tem muita gente melhor do que eu que fez isso. Basta saber que ele segue o caminho e orientações gerais do Kanbam “normal”. Sendo que ainda com alguns pontos principais faltando, como por exemplo, o limite do WIP (Work In Progress). Ainda é preciso mais aprendizado sobre mim. O que pretendo adquirir com a aplicação de métricas.

Hein?! Métricas? Como? Quais?

Algumas eu já pensei, outras irei pesquisar mais. O porém é que estou chegando ao limite de palavras e ainda estou bem longe de esgotar o assunto... Aliás, até acho que me perdi no meio do texto... Bom, mais um item para o Estacionamento... Um só? Acho que não.... O tempo não para... E a minha cabeça também não.

Preciso ir... Mais uma tarefa: Vasculhar este texto em busca dos pontos que prometi detalhar e criar as devidas entradas no Estacionamento. Pois é... Fluxo contínuo é isso!
Aguardem cenas dos próximos capítulos...
Até lá!