A eterna escolha para o ator do homem-aranha

Ou qual o melhor ator para o homem-aranha, ou quando finalmente vão respeitar o personagem e ele vai ter o lugar de direito dele nos cinemas? Ou seja, essa postagem poderia ter vários nomes.

Pra começar o Tobey Maguire, muita gente gosta dele. Confesso que o segundo filme é bom, retrata uma época do homem-aranha — quando o Peter não quis mais ser o herói. Mas sinceramente, isso não é o suficiente, não para mim, como fã não vejo nele o Peter Parker dos quadrinhos nem o homem-aranha também. Mas talvez eu deveria falar então um pouco sobre o homem-aranha, quem ele é, então vamos lá.

Peter Parker surgiu pela primeira vez na Amazing Fantasy 15 (qualquer duvida a mais é fácil dar um google e conhecer um pouco mais dessa história) no ano de 1962. Peter Parker era um nerd que se vestia bem social, com cabelo bem penteado e gostava de estudar, na época que James Dean e Marlon Brando eram os ícones da juventude, ou seja, ele era um misfit, um desajustado. Daí em uma exposição de ciências ele é picado por uma aranha radioativa…

É, todo mundo sabe essa história. Relaxa, vamos ao que as pessoas não sabem, ou ao que não é contado. Peter sempre foi o cara engomadinho, cabelo bem penteado. O cara não era feio, ao contrário das pessoas que não gostam do Andrew Garfield no papel, por achá-lo bonitão demais para ser o rei dos nerds. Muito pelo contrário, Peter era tido como desajustado, não um mal partido. Basta ver que ele chamou à atenção da Gwen Stacy e Mary Jane ao mesmo tempo (para saber mais sobre isto, basta ler o encadernado homem-aranha azul, lançada em português pela editora Salvat). O problema do Peter era que na escola ele não seguia a onda dos jovens rebeldes. Coisa de adolescente, depois de crescidos a cabeça dele e de seus amigos mudaram muito, por exemplo, Flash queria ser um herói e se alista ao exército.

Mas o Tobey era um bom perdedor, o homem-aranha não é também? Bem, ser liso e ser perdedor são duas coisas bem diferentes. O fato é que o Peter tem meio que complexo de Átila (o titã que segurava o mundo nos ombros), por isso ele fazia com que ser homem-aranha lhe tirasse quase todo seu tempo. Houve uma fase onde ele foi dar aula numa escola pública em um bairro perigoso para tentar, através do ensino de ciências, dar uma perspectiva melhor de vida aos estudantes. Não sei vocês, mas isso pra mim não é nem de perto qualidade de um perdedor. Parafraseando Tony Stark, Peter é o melhor de nós. Talvez tantos se identifiquem com ele justamente por isso, por ele ser o nerd com qualidades que todos queiram.

Mas voltando ao ator, não, não gosto do Tobey, nem daqueles filmes. Todo mundo é meio que perdedor, a MJ passa de menina desinibida e atriz descolada para a menina perdedora de ombros baixos. Não gostei dos filmes. Fora que, quem já viu um homem-aranha que não faz piadas, como assim? Olha essa aqui de quando o Peter reassume o corpo após o Otto Octavius (Dr Octopus) ter trocado de mentes com ele (por sinal, essa página ficou sensacional, não apenas a piada, mas a cara do Norminho ao reconhecer que não era mais o Otto, mas, sim, o Peter o cara que poderia derrotá-lo, veja como a expressão dele muda de espanto para raiva):

Sobre o Andrew, ele foi excelente nos dois, os personagens foram bons, mas o roteiro talvez não, apesar que o primeiro filme é exatamente um arco dos quadrinhos. O lagarto querer transformar o mundo em répteis. O segundo, teve, talvez a maior tragédia da história dos quadrinhos, a morte da Gwen. Quem é fã do teioso sabe o peso que a Gwen teve na vida dele, então é difícil achar o filme ruim. Assim como aquele Rhino é bem melhor que um Barney cinza. Pra quem falou da motivação do Harry como duende verde, amigo, vocês realmente leem as HQ’s? Motivação de vilão volta e meia é ser vilão mesmo. Um exemplo, logo no começo, uma das HQ’s do homem-aranha é com o vilão consertador, ele era um ET que ao consertar rádio das pessoas colocava um aparelho lá pra ajudar numa invasão futura à Terra, o homem-aranha descobriu, bate neles, eles fogem por dizerem que não conseguiriam mais invadir a Terra. É um negócio meio aquele vídeo da Porta dos Fundos, a diferença é que o vídeo da Porta é de comédia, não é algo “sério”. Mas enfim, respeito a opinião alheia, até porque o Andrew também não é o cara que eu escolheria pra ser o homem-aranha.

E o Tom Holland? Não sei, ele não tem cara de Peter, mas vamos esperar os filmes. Então não há muito o que dizer, nem como ator, pois ainda não assisti nenhum filme com ele.

Então quem eu gostaria que fosse o homem-aranha? Pra mim tem uma foto de um ator que quando penso no Peter, me vêm essa imagem à mente quase que de imediato (Wow, enquanto pesquisava a imagem desse ator, descobri outra que ainda consegue ser mais a cara do Peter):

O Peter é isso, galera, o nerd engomadinho, de óculos e atlético. Sim, pra quem acha que o Peter é franzino, ele não era. Tanto é que tem um episódio que chamam ele pra uma festa, ele diz não, o maluco segura o braço dele e diz algo como “opa, tá fortinho, ei, Flash, o Peter tá bombado, ele tá malhando”. Mas sei que esse ator é velho pra ser um adolescente, mas se fosse para eu escolher, eu o escolheria e daria um jeito de fazer funcionar, porque, mano, ele é a cara do Peter. Sério, vão no aplicativo Marvel Unlimited e vejam as capas das HQ’s desde o começo, o Peter é exatamente assim. Sempre engomado e de cabelo penteado. Fora também que o cara é bom ator e consegue quebrar uma tensão, algo que é inerente ao Peter, principalmente quando ele está vestido como homem-aranha.

Enfim, independente, desejo sucesso ao Tom Holland já que foi ele mesmo e que ele consiga ser um bom Peter e um bom aranha, a Marvel até aqui não errou na escolha de atores então vamos torcer pra que seja mais um acerto. Daqui a pouco a gente vai começar a descobrir no filme Capitão América — Guerra Civil.

Like what you read? Give Fernando Martins a round of applause.

From a quick cheer to a standing ovation, clap to show how much you enjoyed this story.