MUSIK-Expedition São João del Rei 2017

Retrospectiva da Expedição Musical — 2a edição — em São João del Rei, MG, Brasil entre 16 de agosto e 08 de setembro de 2017.

A Orquestra e Coral da MUSIK-Expedition: formada por músicos e estudantes da Alemanha, de São João del Rei e da região, celebrou com 4 grandes concertos as parcerias musicais, institucionais e educacionais concretizadas com a 2a edição da Expedição Musical 2017, com 24 dias de festival em vários locais da cidade.

A Semana de Concertos marcou o fim da MUSIK-Expedition, após 24 dias de festival e imersão cultural. Contando com dezenas de convidados da Alemanha e da América Latina que vieram colaborar e realizar essa Expedição junto com os músicos brasileiros e são-joanenses entre 16 de agosto e 08 de setembro de 2017.

A iniciativa é uma realização do Instituto Spix e Martius (associação da sociedade civil) e do Forno Harmônico (incubadora de projetos) que promoveu a parceria entre 4 instituições musicais e de ensino do Brasil e da Alemanha: Universidade de Koblenz-Landau e UFSJ (Universidade Federal de São João del Rei), e o CEG-Erlangen (Christian Ernst Gymnasium) e o Conservatório PJMX (Pe. José Maria Xavier). A MUSIK-Expedition conta ainda com os parceiros estratégicos da cidade: Orquestra Ribeiro Bastos, Orquestra Lira Sanjoanense, Sociedade de Concertos Sinfônicos,

Verena, Sebastian, Florian, Nataly, Gaby, Gerson, Cristina, Saskia, Laura, Pedro, Lucio, Jakub, Christian, Phillip, Modesto

Contando com mais de 30 convidados internacionais, a Orquestra MUSIK-Expedition foi formada por estudantes de música alemães da Universidade de Koblenz e do Ginásio Musical Christian Ernst Gymnasium (CEG-Erlangen), além dos estudantes da Universidade Federal de Sâo João del Rei, do Conservatório Pe. José Maria Xavier e das orquestras e bandas da região.

O regente e pioneiro Christian Jeub voltou a São João del-Rei para reger a Orquestra MUSIK novamente, pela segunda edição do festival MUSIK-Expedition 2017

A regência da Orquestra e Coral MUSIK-Expedition ficou a cargo do maestro Christian Jeub. Os ensaios do coral receberam o auxílio do professor Modesto Flávio Fonseca do Departamento de Música da UFSJ, contando também com a colaboração do professor do PJMX e barítono Adilson Cândido e do cantor da Ópera de Nuremberg e natural de São João del Rei, Emanoel Veloso, que ofereceu também masterclass de canto para os participantes do coral.

O Concerto da Independência — 07 de setembro de 2017 — O Requiem à Democracia ‘iluminou’ o Teatro do Colégio N. Sra. das Dores em homenagem a ‘independência’

No dia 07, a MUSIK-Expedition ‘celebrou’ a independência homenageando o compositor José Mauricio Nunes Garcia.

O festival no Brasil foi realizado de modo 100% independente, sem incentivo fiscal ou recurso público, de modo colaborativo, graças à hospedagem solidária em casas de famílias e estudantes, com a mão de obra voluntária dos músicos e da equipe de produção local, com o suporte de doações de pessoas e pequenas empresas locais.

Concerto para piano e orquestra apresenta Opus 22 de Chopin, com o polonês Jakub Lojek (piano). A direita: Participação especial de Ana Carolina Neri (trompete)
À esquerda a orquestra MUSIK-Expedition executa Villa Lobos e Mendelssohn. À direita, o coral formado pelos estudantes da UniKoblenz, sob regência de Christian Jeub

No dia 6, quarta-feira, o Teatro Municipal abriu suas portas para o Concerto de Piano e Orquestra, com o pianista polonês Jakub Lojek sob a regência de Christian Jeub.

Bateria da Expedição: formada pelos estudantes de Erlangen e Koblenz (ALE) sob regência do professor André Mendes (SJDR)

Durante as 4 semanas de festival, foi formada uma bateria da Expedição durante oficinas de percussão, possibilitando aos estudantes alemães conhecer alguns dos instrumentos de percussão, os ritmos brasileiros e suas raízes, como o baião, o xote e o ijexá. A Bateria da Expedição regida pelo professor André Mendes apresentou o resultado dos trabalhos da oficina na abertura do grande concerto, no dia 6.

No dia 6, sob regência de Phillip Barth, a Orquestra de Cordas de Erlangen abriu o Concerto para Piano e Orquestra no Teatro Municipal

A Orquestra de Cordas ‘Martius Ensemble’ apresentou repertório de música contemporânea e compositores da Baviera, como… ***

Formada por músicos de 15 à 18 anos, estudantes do Christian Ernst Gymnasium de Erlangen integram a Orquestra de Cordas ‘Martius Ensemble’ criada especialmente para a Expedição Musical em São João del-Rei.

Martius Ensamble: Orquestra de Cordas de Erlangen abre a Semana de Concertos de São João del Rei apresentando a música contemporânea no Museu Regional

O Museu Regional foi grande parceiro da Expedição, recebendo os ensaios e o primeiro concerto da Semana de Concertos da MUSIK: a apresentação da Orquestra de Cordas ‘Martius Ensamble’, na terça-feira, dia 5. A MUSIK manifesta profunda gratidão ao Museu Regional, sua coordenadora Rosiane e toda sua equipe pela ótima recepção aos estudantes de Erlangen e professor regente Phillip Barth.

Museu Regional recebe Concerto da Orquestra de Cordas de Erlangen (ALE): Martius Ensamble

Nem só de música é feita a MUSIK. A Expedição Musical promoveu também uma edição especial do Cine no Muro, com exibição de cinema mudo e trilha sonora ao vivo, com a coordenação de Felipe José e a participação de músicos de São João del Rei e convidados da Alemanha.

Com esta edição especial, o Cine no Muro chega a sua 9a edição em São João del Rei-MG, sempre contando com o talentoso músico e regente Felipe José e seus amigos

Além dos concertos e recitais, a MUSIK-Expedition promoveu também uma série de oficinas e workshops com talentos locais e visitas guiadas aos pontos históricos e turísticos da cidade, como igrejas e museus. Os músicos alemães puderam participar e tocar nas missas orquestradas junto às Orquestras Ribeiro Bastos e Lira Sanjoanense.

(inserir fotos nas missas orquestradas)

Na última semana, a sociedade de Concertos Sinfônicos recebeu os ensaios gerais da Orquestra e Coro.

As oficinas, workshops e masterclass promovidas pela MUSIK 2017:

Percussão (André Mendes)
Canto (Emanoel Veloso)
Viola brasileira de 10 cordas (Leanddro Drummond)
Pandeiro (Tales Pereira)
Harmonia e ritmos argentinos (Mariano Coll)
Piano (Jakub Lojek)
Teatro e ritmos brasileiros (Gabriel Carneiro)
Afinação de Piano (Martin Fernandez)
Laboratório de Criação Musical (Ian Guest)
Gestão de projetos (Pedro Lago)

Na última semana do festival, a Sociedade de Concertos Sinfônicos forneceu todo o suporte para receber os ensaios gerais do Coral e Orquestra acolhendo a Expedição Musical em sua sede. A MUSIK-Expedition se alegra por esta parceria e agradece a instituição pelo apoio fundamental.

No último dia de agosto, um show muito especial, preparado com muito carinho e empenho pelo convidado argentino Mariano Coll, reuniu dezenas de músicos para um recital de música tradicional argentina e composições autorais. O grande grupo, formado por Mariano durante o festival, contou com mais de 12 participações especiais de brasileiros e alemães reunidos em torno da música argentina e da integração Alemanha e América Latina.

Músicos são-joanenses, brasileiros e alemães realizaram um recital partindo do trabalho autoral do argentino Mariano Coll e composições tradicionais de seu país
O Centro Cultural Feminino recebeu de casa cheia, braços abertos e ouvidos atentos o recital de Mariano Coll e sua trupe
Recitais à Janela Amerela: à esquerda o trio de música regional Ipura Pu, à direita, o compositor húngaro Ian Guest.
O trio Santa Fé foi a grande atração da noite de abertura do Festival MUSIK-Expedition na sede do Instituto Spix e Martius.

Durante todo o Festival, as salas Spix e Martius do Instituto receberam visitas, oficinas e recitais de importantes figuras e grupos da música e da cultura local que prestigiaram a MUSIK-Expedition, entre 16 de agosto e 08 de setembro.

Obrigado! Valeu! Danke schön!

Vida longa à MUSIK-Expedição Musical e que venha a terceira edição, 2018!

Agradecimentos mais que especiais:

  • A todos os músicos, de São João del Rei, do Brasil, da Alemanha, da Argentina, do Paraguai, da Polônia, da Coréia do Sul, do Norte, seja lá de onde vieram, obrigado!
  • A todas as instituições educacionais que são parceiras estratégicas do projeto: UniKoblenz, CEG-Erlangen, UFSJ, PJMX
  • A todas as instituições musicais da cidade que apoiaram o projeto!
  • A todas as pessoas e empresas da cidade que nos apoiaram!
  • A todos aqueles que muito ajudaram (não atrapalhando ou não fazendo nada)!
  • E a todos aqueles que acreditaram, vieram, viram e ouviram!
  • Obrigadão! Valeu! Danke schön!